Assine Já
segunda, 06 de julho de 2020
Região dos Lagos
27ºmax
17ºmin
TEMPO REAL Suspeitos: 337 Confirmados: 3024 Óbitos: 179
Suspeitos: 337 Confirmados: 3024 Óbitos: 179
Suspeitos:
Confirmados:
Óbitos:
Suspeitos Confirmados Óbitos
Araruama 272 585 40
Armação dos Búzios X 256 6
Arraial do Cabo 11 73 11
Cabo Frio X 954 58
Iguaba Grande 13 207 20
São Pedro da Aldeia 24 465 16
Saquarema 17 484 28
Últimas notícias sobre a COVID-19
demissões

Prefeitura faz suspense sobre número de demissões

População já sente reflexos dos cortes em áreas como a Saúde

05 julho 2016 - 09h06Por Rodrigo Branco

A tesoura da administração municipal de Cabo Frio esteve amolada nos últimos dias, mas a extensão dos retalhos, ou melhor, dos cortes feitos na folha de pagamento ainda é desconhecida. Apesar de toda a expectativa, após um longo dia de reuniões com a participação do prefeito Alair Corrêa (PP), do secretário de Administração, Juliano Almeida, da procuradora-geral do município Danielle Ramos Teijeiro e de outros assessores, o número de funcionários demitidos não foi informado.

Segundo pessoas ligadas à Prefeitura, isso ainda não aconteceu porque a quantidade de pessoas exoneradas não foi totalizada pela administração municipal. Apesar dos rumores que as listas com os nomes dos dispensados teriam sido elaboradas antes, a alegação é de que as secretarias é que enviaram as relações para a Prefeitura.

Enquanto isso, as baixas já provocam efeitos práticos, principalmente na área de Saúde. A marcação de consultas para o Posto de Atendimento Médico de São Cristóvão está suspensa esta semana. O motivo, segundo a secretaria municipal de Saúde, é a reorganização dos horários, o que, ao que tudo indica, será bem trabalhoso. Segundo a Folha apurou, apenas na unidade 20 médicos foram demitidos, nenhum deles concursado.

Na sexta, outros 19 profissionais das áreas de ginecologia, cirurgia ginecológica e do ambulatório foram dispensados do Hospital da Mulher, no Braga. No Hemolagos, conforme foi noticiado no fim de semana, duas enfermeiras grávidas foram demitidas, segundo o diretor da unidade, Marcelo Paiva Paes.

(*) Leia a matéria na íntegra na edição impressa da Folha desta terça.