Assine Já
sexta, 30 de julho de 2021
Região dos Lagos
18ºmax
10ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 46181 Óbitos: 1868
Confirmados Óbitos
Araruama 11325 353
Armação dos Búzios 5463 57
Arraial do Cabo 1574 87
Cabo Frio 12663 757
Iguaba Grande 4763 115
São Pedro da Aldeia 6144 273
Saquarema 4249 226
Últimas notícias sobre a COVID-19
NINGUÉM SABE, NINGUÉM VIU

Prefeitura e PM afirmam que não foram acionadas para coibir baile funk no Manoel Corrêa

Imagens que circulam em grupos de WhatsApp mostram aglomeração durante festa na comunidade

17 agosto 2020 - 20h45Por Redação

As imagens de um grande baile funk no último fim de semana na comunidade do Manoel Corrêa, em Cabo Frio, circularam ontem em grupos de WhatsApp, mas as autoridades procuradas pela Folha disseram que não foram acionadas para coibir a festa que reúne uma multidão na localidade da ‘Mandelinha’, na Rua Sete, mesmo com os pedidos feitos para que aglomerações sejam evitadas, em meio à pandemia do novo coronavírus.

Em matéria publicada pelo jornal O Dia, moradores que optaram por permanecer no anonimato disseram que as festas são frequentes e vão até o dia amanhecer, sem qualquer tipo de impedimento por parte da polícia. Durante os bailes, o consumo de bebidas e de drogas seria liberado, de acordo com uma das fontes.

Questionada pela reportagem da Folha, a Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar informou que a corporação “segue à disposição para apoiar quaisquer necessidades solicitadas pelos órgãos municipais nas ações de fiscalização durante este momento de pandemia. Os policiais militares estão instruídos a priorizar a conscientização e o diálogo no contato com os cidadãos”.

A Polícia Militar ressaltou ainda “que tem desenvolvido um amplo trabalho de conscientização desde a adoção das primeiras medidas restritivas implementadas pelo Governo do Estado e que, muito mais do que uma questão de segurança pública, esta é uma questão de respeito ao próximo”. 

 Por sua vez, a Prefeitura de Cabo Frio informou que também não foi acionada. Em nota, o governo municipal disse que “o cidadão pode e deve colaborar com denúncias pelo telefone 153, além de acionar a Polícia Militar pelo 190”. Porém, a Prefeitura adverte que “mais importante é a conscientização da população que deve evitar aglomerações, permanecer em casa e respeitar as determinações do decreto que visam coibir a disseminação do novo coronavírus” e que “o combate ao vírus é responsabilidade de cada cidadão”.

 

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.