Assine Já
quarta, 26 de janeiro de 2022
Região dos Lagos
32ºmax
22ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 57760 Óbitos: 2243
Confirmados Óbitos
Araruama 12913 456
Armação dos Búzios 7361 73
Arraial do Cabo 2014 93
Cabo Frio 16940 938
Iguaba Grande 5610 148
São Pedro da Aldeia 8267 292
Saquarema 4655 243
Últimas notícias sobre a COVID-19
ORGANIZAÇÃO

Prefeitura e Associação de Reserva Extrativista debatem ações para a alta temporada 2022 em Arraial

Na pauta do encontro, as preocupações com a chegada da alta temporada e o recorde de turistas que a cidade deve registrar por conta da flexibilização das restrições sanitárias

04 dezembro 2021 - 20h57Por Redação

Uma comitiva da Associação da Reserva Extrativista Marinha de Arraial do Cabo (Aremac), formada pelo presidente, Eraldo Cunha; o vice-presidente, Thiago Rodrigues; e o advogado Silvio Dorival Barreto Junior esteve esta semana em uma audiência com o prefeito de Arraial do Cabo, Marcelo Magno (PL). Também participou da reunião o presidente da Fundação Instituto de Pesca da cidade (Fipac), Rodrigo de Jesus Félix.

Na pauta do encontro, as preocupações com a chegada da alta temporada e o evidente recorde de turistas que a cidade deve registrar nesse verão por conta da flexibilização das restrições sanitárias impostas nos últimos quase dois anos pela pandemia da Covid-19. Uma das grandes preocupações é com o ordenamento da Marina dos Pescadores de onde saem os tradicionais passeios de barco.

O prefeito também demonstrou a sua insatisfação com o ordenamento dos píeres da Marina dos Pescadores, na Praia dos Anjos, e promete encaminhar soluções o mais breve possível. Outra questão levantada pela Aremac foi em relação ao ordenamento das raias de embarque e desembarque de turistas na Praia do Forno e nas Prainhas do Pontal do Atalaia, que aliás já foi solicitada pela Capitania dos Portos, através de ofício. O ordenamento dos barracões de pesca no canto esquerdo da Praia Grande também foi tema da reunião.

A Aremac, como concessionária do direito real de uso da Reserva Extrativista Marinha se preocupa com o aumento do fluxo de turistas e em salvaguardar as atividades da pesca artesanal em Arraial do Cabo, principalmente nas praias do Pontal, Grande, na Prainha, na Ilha do Farol e nas Prainhas do Pontal do Atalaia (pontos que recebem o maior fluxo de turistas na alta temporada) e espera que sejam realizadas mais ações de conscientização e fiscalização, para que os impactos sobre as atividades extrativistas sejam minimizados.

Ficou acordado que novas reuniões devem acontecer antes do fim do ano para que sejam implementadas ações e um cronograma de atividades a serem desenvolvidas para o verão de 2022. Neste sábado (4) a Aremac fez um levantamento técnico dos resíduos (lixo) encontrados nas praias do município, em conjunto com o Projeto Mar Sem Lixo, que resultará em um relatório a ser encaminhado às autoridades municipais. O objetivo é também desenvolver ações de educação ambiental para reduzir a incidência de lixo nas praias.
 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.