Assine Já
segunda, 18 de outubro de 2021
Região dos Lagos
21ºmax
18ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52181 Óbitos: 2123
Confirmados Óbitos
Araruama 12321 438
Armação dos Búzios 6500 72
Arraial do Cabo 1720 92
Cabo Frio 14677 858
Iguaba Grande 5464 140
São Pedro da Aldeia 6968 288
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
Geral

Prefeitura de Cabo Frio nega reabertura do Hospital de Tamoios

Moradores convocam manifestação para o próximo dia 25

08 setembro 2021 - 21h23Por Redação
Prefeitura de Cabo Frio nega reabertura do Hospital de Tamoios

A Prefeitura de Cabo Frio desmentiu, esta semana, notícias que davam conta da reabertura do Hospital de Tamoios na próxima quarta-feira (15). Fechado para obras em junho de 2020, em plena pandemia, o prédio segue sem previsão de reabertura, segundo a Prefeitura, por falta de verba: a gestão anterior não teria destinado recursos para o funcionamento da unidade no orçamento de 2021. 

A informação sobre a possibilidade de reabertura da unidade de saúde, desmentida pela Prefeitura, foi divulgada na última quarta-feira (8) numa página do Facebook que costuma publicar notícias sobre Tamoios: “Recebemos a informação extra oficial que o Hospital de Tamoios será reaberto no dia 15 de setembro. Será? Esperamos que seja, pois nossa população precisa muito dele reaberto, mas que não seja pra fechar a UPA de Tamoios, pois seria o mesmo que destapar um santo para tapar outro”, dizia a publicação.

Sem o hospital, os cerca de 70 mil habitantes de Tamoios dependem apenas da UPA do distrito, que também é alvo de constantes críticas por falta de infraestrutura. Na postagem, uma moradora denunciou que a UPA de Tamoios “está toda caindo aos pedaços". "Levei meu pai lá e o piso está tudo caindo”, contou.

Outra moradora falou da importância de se ter as duas unidades de saúde do distrito funcionando. “Precisamos muito deste Hospital de Tamoios para que todos tenham bom atendimento. A UPA é tão importante como hospital”, escreveu Lourdes Conceição.

Na mesma postagem, alguns moradores aproveitaram para convocar a população para uma manifestação no próximo dia 25, às 10h, em frente ao prédio. “Estaremos de camisetas e máscaras pretas em forma de protesto. Contamos com todos pela luta dos nossos direitos”, dizia a arte de convocação.

Quando foi fechado, o Hospital de Tamoios estava em situação precária: várias janelas estavam sem vidro, havia infiltrações em várias partes do prédio, além de problemas hidráulicos e elétricos. Quem estava internado no local precisou ser transferido para o Hospital Otime Cardoso dos Santos, no Jardim Esperança. O então prefeito Adriano Moreno chegou a anunciar que o Hospital de Tamoios seria inaugurado em outubro de 2020, com funcionários da própria Prefeitura. No entanto, essa inauguração só aconteceu no dia 30 de dezembro, e sem condições de funcionamento. Segundo o então secretário de Saúde, Bruno Alpacino, faltava ainda a Enel (concessionária de energia elétrica) fazer uma nova carga direcionada ao hospital.

Sobre isso, o atual governo municipal informou, em março deste ano, que a situação havia sido resolvida  com a troca de um transformador de 30 Kva de potência para um com capacidade de 150 Kva. Também em março, o atual secretário de Saúde, Felipe Fernandes, anunciou que o prédio estava passando por novas obras. Desta vez o objetivo era o de fazer adequações necessárias para separar pacientes de Covid-19 daqueles das alas de pediatria e clínica médica. “Precisamos ampliar o atendimento à Covid-19 em Tamoios, assim como pediatria e clínica médica. As melhorias estão sendo realizadas dentro do que seja legal e seguro para a reabertura”, explicou, na época, o secretário de Saúde, Felipe Fernandes.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.