Assine Já
segunda, 25 de outubro de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52262 Óbitos: 2141
Confirmados Óbitos
Araruama 12321 438
Armação dos Búzios 6516 72
Arraial do Cabo 1720 92
Cabo Frio 14721 876
Iguaba Grande 5469 140
São Pedro da Aldeia 6984 288
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
BURACO NAS CONTAS

Prefeitura de Cabo Frio anuncia queda de R$ 53 milhões na arrecadação do primeiro semestre

Anúncio da queda nas receitas ocorre em meio à pressão para que os salários atrasados do funcionalismo sejam pagos

07 julho 2020 - 15h56Por Redação

A Prefeitura de Cabo Frio anunciou nesta terça-feira (7) que teve uma queda de R$ 53 milhões na arrecadação líquida financeira no primeiro semestre de 2020. Segundo a Secretaria de Fazenda, o tombo foi consequência da diminuição na arrecadação de impostos,por causa da crise nacional potencializada pelo novo coronavírus.

De acordo com a Prefeitura, apenas em junho, o repasse dos royalties caiu 44% comparado ao mesmo período do ano passado. Além disso, a Secretaria de Fazenda afirma que o município deixou de arrecadar R$ 22,1 milhões no mês passado.

– Os impostos são decorrentes do consumo, como o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), além do ISS (Imposto Sobre Serviço), na área da prestação de serviços, que, com o setor parado ou com as atividades reduzidas há diminuição de arrecadação. É um quadro muito preocupante, porque os municípios dependem basicamente da arrecadação própria, já que os recursos que vêm do Governo Federal e Estadual são insuficientes – disse ás mídias oficiais da Prefeitura o secretário de Fazenda, Clésio Guimarães.

De acordo com o levantamento da Fazenda, em junho, Cabo Frio teve uma receita financeira global de R$ 34,9 milhões, já contando com a ajuda financeira do Governo Federal, de R$ 6,7 milhões. Para efeito de comparação, em janeiro, o município teve arrecadação total de R$ 63,9 milhões.

O anúncio da queda nas receitas ocorre em meio à pressão sofrida pelo governo municipal para que os salários atrasados sejam pagos. Esta terça (7) marca o quinto dia útil do mês e, como tem sido feito há mais de um ano, os salários de junho serão escalonados. Para piorar, conforme a Folha publicou nesta segunda-feira (6), que parte dos funcionários da Saúde ainda não recebeu o mês de maio, bem como os aposentados que ganham acima de R$ 5,7 mil.

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.