Assine Já
domingo, 26 de setembro de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 51256 Óbitos: 2089
Confirmados Óbitos
Araruama 12211 437
Armação dos Búzios 6305 64
Arraial do Cabo 1689 90
Cabo Frio 14244 839
Iguaba Grande 5384 138
São Pedro da Aldeia 6892 286
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
Educação

Polícia Militar tenta impedir manifestação da Educação

Policiais tiraram o somo bloquearam a passagem do carro do Sepe

16 novembro 2015 - 10h57

  

A Polícia Militar tenta impedir agora pela manhã protesto dos profissionais da Educação e de diversos funcionários da Prefeitura de Cabo Frio, que reclamam de erros e atraso no pagamento de salários. A PM bloqueou a passagem do carro do Sindicato dos Profissionais da Educação da Região dos Lagos (Sepe Lagos), pediu que os integrantes descessem do veículo e desligaram o equipamento de som. Em protesto, os manifestantes sentaram na pista. A polícia chamou o reboque para retirar o carro do sindicato.

No protesto desta segunda-feira (16), os grevistas se uniram aos manifestantes do Sindicato dos Servidores Municipais de Cabo Frio (Sindicaf) e do Sindicato dos Profissionais da Saúde (Sindsaúde) para exigir medidas da secretaria de Administração. Nestes dois últimos, que contempla a maioria de funcionários concursados, os salários vieram com erro e desconto de diversos benefícios, como horas extras, insalubridade entre outros.

Nesta segunda-feira (16), 93 escolas não funcionaram e 35 mil alunos ficaram sem aula. Segundo o sindicato, a greve permanecerá enquanto os salários, vale-transporte e auxílio doença não forem pagos.

 

Mais informações a qualquer momento.