Assine Já
quarta, 28 de julho de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
15ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 46093 Óbitos: 1865
Confirmados Óbitos
Araruama 11325 353
Armação dos Búzios 5456 57
Arraial do Cabo 1564 87
Cabo Frio 12599 755
Iguaba Grande 4756 114
São Pedro da Aldeia 6144 273
Saquarema 4249 226
Últimas notícias sobre a COVID-19
PROTEÇÃO OBRIGATÓRIA

Pessoas que andarem sem máscara em Iguaba Grande serão multadas a partir desta segunda (17)

Em caso de reincidência, serão aplicadas multas que variam de R$ 150 a R$ 10 mil

16 agosto 2020 - 11h56Por Redação

A partir desta segunda-feira (17), quem for flagrado sem máscara nos espaços públicos, comerciais, ou no transporte público de Iguaba Grande poderá ser multado, e os comércios que atenderem clientes sem uso de máscara poderão ainda ter o alvará cassado. É o que determina o novo decreto municipal (nº 1.919/2020 assinado neste sábado). A medida é uma forma de reforçar as ações de prevenção ao novo coronavírus uma vez que ainda não existe nenhuma vacina disponível.

Pelo novo decreto, a partir de desta segunda-feira quem for flagrado sem máscara receberá advertência num primeiro momento. Em caso de reincidência, serão aplicadas multas que variam de R$ 150 a R$ 10 mil. No caso das empresas cujos funcionários ou clientes não estejam usando a proteção, a penalidade prevê, ainda, cassação do alvará. Em ambos os casos, a relação dos infratores será enviada ao Ministério Público para que também sejam apuradas as responsabilidades criminais.

Até sexta-feira (14), Iguaba Grande havia registrado 427 casos confirmados de covid-19, com quatro pessoas internadas, 77 em isolamento domiciliar, 26 óbitos e 320 casos já recuperados. Os números continuam dentro dos limites da bandeira amarela de flexibilização do comércio, criada através do Decreto Municipal Nº 1.911/2020, de 19 de junho. O documento consolida as medidas temporárias restritivas às atividades privadas para prevenção dos riscos de disseminação do Coronavírus através da criação de três bandeiras que levam em conta a taxa de ocupação dos leitos de UTI na cidade (em abril deste ano o município passou de zero para sete leitos):

– Ocupação superior a 80% – bandeira vermelha (fechamento do comércio)
– Ocupação entre 50% e 80% – bandeira amarela (funcionamento do comércio com restrições)
– Inferior a 50% – bandeira verde (abertura do comércio)

 
 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.