Assine Já
domingo, 20 de setembro de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7728 Óbitos: 407
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 468 10
Arraial do Cabo 215 13
Cabo Frio 2528 136
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1213 50
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
protesto

Pescadores protestam na Marina dos Anjos, em Arraial do Cabo

Grupo alega que atual diretoria manobra regras de eleição de associação para continuar no poder

18 abril 2017 - 10h08Por Redação | Foto: Gustavo Távora
Pescadores protestam na Marina dos Anjos, em Arraial do Cabo

Um grupo de aproximadamente 150 pescadores protesta de forma pacífica na manhã desta terça-feira (18) em frente à Marina da Praia dos Anjos, em Arraial do Cabo. Os trabalhadores pressionam para que a atual diretoria da associação volte atrás de decisão tomada nesta segunda (17), último dia de inscrições das chapas para a eleição, que será realizada em 17 de maio. Segundo os pescadores, o advogado da entidade baixou decreto impedindo que os associados coloquem em dia as mensalidades a partir de agora. Pelo estatuto, os inadimplentes estão impedidos de votar, mas os manifestantes alegam que a decisão foi arbitrária.

–  O pescador que não está em dia tem que ser comunicado do desligamento durante uma assembleia, mas isso não aconteceu. Ele (advogado) tomou a atitude por si próprio. A manifestação é para rever isso aí. Que deem um prazo para acertar isso pelo menos até o dia 7, dez dias antes da eleição – cobrou um pescador, que se identificou apenas como Quito.

As confusões envolvendo as eleições para a Associação dos Pescadores de Arraial não são de hoje. A atual diretoria, por exemplo, só está no cargo por força de uma liminar obtida na Justiça. A oposição à atual gestão, que novamente inscreveu chapa, acusa a diretoria de ocupar o cargo irregulamente, uma vez que a primeira ata do pleito passado foi rasurada e a novo documento, não foi assinado pelo presidente da mesa. Entre as suspeitas levantadas pela oposição estão ainda suborno e falsificação de documentos.

A reportagem está tentando entrar em contato com representante da atual gestão para falar sobre o assunto. Outras informações a qualquer momento ou na edição impressa desta quarta-feira (19) da Folha dos Lagos