Assine Já
sexta, 14 de agosto de 2020
Região dos Lagos
28ºmax
17ºmin
Alerj
Alerj
TEMPO REAL Confirmados: 5213 Óbitos: 304
Confirmados Óbitos
Araruama 846 62
Armação dos Búzios 384 9
Arraial do Cabo 132 12
Cabo Frio 1721 100
Iguaba Grande 420 26
São Pedro da Aldeia 796 44
Saquarema 914 51
Últimas notícias sobre a COVID-19
Pescadores

Pescadores da Região dos Lagos recebem incentivo de R$ 90 mil

Recursos são destinados para cinco Colônias em três cidades da região

03 novembro 2015 - 09h34

Pescadores de cinco cidades da Região dos Lagos passam a contar com mais recursos a par­tir de agora. O motivo é convê­nio firmado entre a Prolagos, concessionária de Água e Es­goto, com as Colônias de Pes­cadores Z4 de Cabo Frio, Z29 de Iguaba Grande e Z6 de São Pedro da Aldeia, além das Asso­ciações de Pescadores da Baleia e Pitória, ambas aldeenses, no valor de R$ 90 mil. A iniciativa é uma parceria da concessioná­ria com a Câmara Técnica de Pesca e tem por objetivo benefi­ciar todos que forem associados a essas instituições e que atuam na Lagoa Araruama por conta do defeso total.

– Com a iniciativa reforçamos a preocupação da Prolagos com a preservação do meio ambien­te, principalmente com a Lagoa Araruama, e nos tornamos ain­da mais parceiros dos pescado­res que dependem da atividade pesqueira da maior lagoa hiper­salina em estado permanente do mundo – avaliou Carlos Roma Júnior, presidente da Prolagos.

O valor da bolsa socioam­biental é dividido entre as cinco colônias para investimentos em benefício dos pescadores, como­realização de capacitação para pescador profissional, melho­rias e reforma das unidades e do cais de Iguaba Grande, compra de materiais diversos, para citar alguns.

Fim do defeso – Termina hoje o terceiro defeso total da Lagoa de Araruama, que começou em 1º de agosto. A proibição atingiu qualquer tipo de pesca, incluin­do a esportiva e de lazer. A partir de amanhã, no entanto, começa a segunda etapa do defeso da sardinha, que vai até 15 de feve­reiro de 2016.

Segundo a Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio (Fi­perj) o primeiro defeso, que se encerrou em julho, teve por ob­jetivos o crescimento da espécie juvenil até 17 centímetros e a recuperação dos estoques, além de promover a pesca sustentável.