Assine Já
sábado, 04 de fevereiro de 2023
sábado, 04 de fevereiro de 2023
Cabo Frio
25°C
Geral

Passageiro morre dentro de ônibus após sofrer enfarto durante trajeto

Moradores de Arraial, que fizeram protesto na estrada, afirmam que ônibus circulam superlotados

30 outubro 2014 - 10h55Por Fotos: Blog Repórter Eduander Silva
 Passageiro morre dentro de ônibus após sofrer enfarto durante trajeto
Um homem morreu dentro de um ônibus da Auto Viação Salineira na manhã desta quinta-feira (30) durante o percurso na RJ-102, que liga Arraial do Cabo ao Segundo Distrito, no trecho Figueira- Monte Alto. Segundo testemunhas o passageiro, identificado como Jailton da Silva Bento, de 57 anos, enfartou devido à superlotação do coletivo. Ele chegou a ser levado para o Hospital de Arraial, mas não resistiu. O gerente operacional da empresa, Luiz Gustavo, esteve no local e pediu a compreensão dos moradores - que iniciaram um protesto na estrada.
- Os motoristas estão sofrendo pressão psicológica devido aos últimos ataques a ônibus que ocorreram desde domingo (26). Dez ônibus estão na garagem sem condições de na rua por causa do medo de sofrer novos ataques.  Já conversei com  moradores e pedi a compreensão a eles. Aqui havia somente dois ônibus e agora já são quatro. estamos apurando o que realmente ocorreu. O nosso objetivo é voltar a prestar um serviço de qualidade à população - disse em entresvista a uma rádio de Cabo Frio. 
Uma moradora do local, que não quis se ideintificar, estava indignada com a situação:
- Nós  pagamos muito caro para ter que andar em pé e todos espremidos dentro de um coletivo que deveria carregar somente 45 passageiros e, no entanto, carregava quase cem pessoas Temos apenas carros de hora em hora e nós precisamos de mais. É uma vergonha isso - desabafou. 
 
A Secretaria de Saúde de Arraial do Cabo informou que o paciente já chegou morto na emergência do Hospital Geral, por volta das 7h50. A médica Andrea Potter atestou o óbito.Segundo a profissional, Jailton chegou com parada respiratória irreversível e sem pressão arterial. A causa da morte é indeterminada.
Familiares de Jailton informaram que ele era diabético e hipertenso e que, na manhã desta quinta-feira, ele saiu de Monte alto, onde morava, com destino ao Hospital de Arraial do Cabo, onde iria apanhar o resultado de um exame.