Assine Já
segunda, 21 de setembro de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7728 Óbitos: 407
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 468 10
Arraial do Cabo 215 13
Cabo Frio 2528 136
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1213 50
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Cabo Frio Tempero

Palmeiras recebe festival ‘Cabo Frio Temperos’

Organização vai promover gincana de coleta de microlixo na área ambiental do evento

29 outubro 2015 - 09h41

Começa nesta quinta-feira (29) e vai até do­mingo (1) o festival ‘Cabo Frio Tempero – Frutos do Mar, Jazz & Blues’, nas Palmeiras, em Cabo Frio. O evento, que abre as festividades por conta do ani­versário de 400 anos de funda­ção da cidade, oferece culinária regional, música, atividades culturais, esportivas e ações de sustentabilidade. Neste quesito, a secretaria de Meio Ambien­te do município vai promover gincana de coleta de microlixo, com direito a premiação por três categorias: lixo mais inusitado, em maior quantidade e mais di­versificado serão os premiados. A ação será realizada com alu­nos da rede municipal de ensino de Cabo Frio e coordenada pela equipe da secretaria. No sábado e no domingo, a partir das 9h, serão ministradas aulas gratui­tas de stand up paddle, cano­as havaianas, canoagem e vela com o professor Fábio Colli­chio, morador do bairro sede do evento, além de biólogo. As inscrições poderão ser feitas na hora do evento. Além das ativi­dades náuticas, o festival terá ainda workshops com chefs, de­gustação de vinhos, palco para shows, grande área ao ar livre para lazer, gincana de pintura, ações ambientais e adoção de animais.

Microlixo – Segundo especia­listas, o microlixo pode causar graves problemas em função da quantidade e volumes descarta­dos, além do tempo prolongado para absorção pela na natureza. As diversas modalidades de mi­crolixo, como bitucas de cigar­ros, pedaços de sacos plásticos, canudinhos de bebidas, papel de bala, de doces, goma de mascar, tampinhas de bebidas e lacres de latinhas podem causar, até mes­mo, a morte de animais. Além disso, os pequenos fragmentos também oferecem riscos à saúde do ser humano.