quinta, 21 de setembro de 2023
quinta, 21 de setembro de 2023
Cabo Frio
21°C
https://www.shoppingparklagos.com.br/
Alerj
lixo

Oitocentas toneladas de lixo

Mais de 500 agentes participam da limpeza no Réveillon em Cabo Frio

05 janeiro 2015 - 15h06
Oitocentas toneladas de lixo
Cerca de 800 toneladas de lixo foram retiradas das ruas de Cabo Frio após o Réveillon, de acordo com a Comsercaf, empresa responsável pela limpeza e conservação do município. Mais de 500 pessoas – entre técnicos, operadores de máquinas, varredores e pessoal de apoio – fizeram parte da operação no dia da virada.  Apenas na Praia do Forte, 110 garis recolhiam todo o tipo de lixo deixado pelos visitantes. No mesmo instante, a limpeza era feita na nova Orla de Tamoios e na Praia do Peró, que também tiveram queima de fogos como a da Praia do Forte.
Em dias normais de verão, o recolhimento chega a 240 toneladas. Mas, como sempre, na virada o público se multiplica – e a produção de lixo, também. O superintendente operacional da empresa, Denis Soares, desde as 3h da manhã posicionou as equipes ao lado do palco principal e ao lado dos pontos dos três telões ao longo da orla. O trabalho começou depois do previsto por conta do show do Araketu, que gravou um DVD ao vivo e esticou em três horas a apresentação. O público não arredou pé da praia.
Mesmo com muita gente dormindo nas areias ou namorando em meio a garrafas, cocos, restos de salgados, os garis davam um “pente fino” na praia recolhendo o lixo e colocando em sacos plásticos. Outra equipe foi colocando o lixo recolhido nas caçambas, que foram transportadas para os 20 caminhões estacionados na orla.
Tamoios – Este Réveillon também foi de muito agito em Tamoios, segundo distrito de Cabo Frio. A programação continua hoje e amanhã, com bandas locais. O superintendente de Turismo e eventos de Tamoios, Alan do Chaparral, exalta a qualidade dos eventos.
– Muitos turistas que visitaram Tamoios pela primeira vez no Réveillon 2014 voltarão este ano. Acredito que a volta do turista ao nosso distrito ocorra, principalmente, pelos vários investimentos que estão sendo realizados – afirmou Alan.