Assine Já
sexta, 14 de agosto de 2020
Região dos Lagos
28ºmax
17ºmin
Mercado Tropical
Alerj
TEMPO REAL Confirmados: 5213 Óbitos: 304
Confirmados Óbitos
Araruama 846 62
Armação dos Búzios 384 9
Arraial do Cabo 132 12
Cabo Frio 1721 100
Iguaba Grande 420 26
São Pedro da Aldeia 796 44
Saquarema 914 51
Últimas notícias sobre a COVID-19
Presentes

O progresso da infância: a era das revoluções tecnológicas

Garotada troca presentes tradicionais por aparelhos de última geração no Dia das Crianças

08 outubro 2015 - 10h00

No século passado, não havia ansiedade maior do que esperar o pai em casa com uma embala­gem em mãos. Momentos antes de receber o presente, a garotada tentava imaginar o que estaria ali: um carrinho de rolimã ou o mais novo lançamento da barbie. Acontece que os tempos são ou­tros. Também pudera, vivemos numa era em que somos bom­bardeados com tecnologia ins­tantaneamente. Não é incomum observar uma criança de colo en­tretida num tablet ou num celular. Chegou a hora de ficar atento às novidades do comércio eletrôni­co e agradar a criançada no dia delas, nesta segunda-feira, com aparelhos de última geração.

Para se ter uma ideia, o Brasil é o 11º maior mercado de games no mundo – os brasileiros mo­vimentaram US$ 1,28 bilhão no ano passado. O país fica em 4º lugar em número de jogadores. E quem surfa na onda da ascen­são de jogos como o Fifa é a UZ Game.com, no Centro. No dia 12, a febre do momento promete ser o carro-chefe da loja.

– A clientela entra com mais objetividade, decidida a comprar os jogos nessa época. A previ­são aqui na loja é que as vendas aumentem cerca de 30%. O mo­vimento por enquanto está ra­zoável, mas deve crescer com a chegada do fim de semana – ana­lisa o gerente Raphael Bianchi, 30, que vende o Fifa 16, de PS4 e Xbox One, a R$ 250.

A Informática e Etc., no Cen­tro, aproveita a entrada de me­ninas e meninos no comércio eletrônico cada vez mais cedo. Prova disso é que o Xbox recebe uma procura ainda maior na Se­mana das Crianças.

– Os jogos de video game fa­zem sucesso por aqui. Os celu­lares nem recebem tanta procura nessa semana, os tablets vendem bem mais. Mas o Xbox tem sido o mais procurado na data. Aliás, para esse Dia das Crianças, va­mos fazer um teste com as fo­tografias, que normalmente são feitas com crianças entre 6 e 9 anos. Se a procura for boa, rea­lizaremos novamente no ano que vem – diz ela, que vende tablets a R$ 760 e Xbox a R$ 910.

 

*Leia a matéria completa na edição impressa desta quinta-feira (8)