Assine Já
sábado, 16 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
29ºmax
22ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
nomeação

Nomeação de primeira-dama causa polêmica

Antes da posse, Marquinho tinha descartado parentes no governo por causa da Lei do Nepotismo

09 março 2017 - 19h15Por Redação I Foto: Arquivo Folha
Nomeação de primeira-dama causa polêmica

A primeira-dama de Cabo Frio, Camila Mendes, acaba de assumir a Secretaria Municipal de Assistência Social. A nomeação foi publicada no jornal que veicula as ações do governo e tem data retroativa de 1º de março. Ela ocupará o cargo no lugar de Hilda Moreira, que foi deslocada para a Coordenadoria-Geral da Melhor Idade.

A posse de Camila na secretaria chama a atenção, uma vez que o próprio prefeito Marquinho Mendes (PMDB) havia descartado em novembro, antes mesmo de assumir o governo, que não colocaria parentes no secretariado, uma vez que a prática contrariaria a Súmula Vinculante 13 do Supremo Tribunal Federal, conhecida como Lei do Nepotismo, pela qual é proibida a nomeação de cônjuge, companheiro ou parente em linha reta, colateral ou por afinidade, até o terceiro grau, para cargos da administração direta e indireta. Na ocasião, a primeira-dama já estava cotada para ocupar um posto no primeiro escalão, bem como o irmão do prefeito, Carlos Victor, que acabou preterido na Saúde, por Roberto Pillar.

A nomeação de Camila gerou muitas críticas nas redes sociais e também comparações com o antecessor de Marquinho na Prefeitura, Alair Corrêa, que por decisão da Justiça, a pedido do Ministério Público, foi obrigado a exonerar o irmão, Axiles Corrêa, da Secretaria de Fazenda, e a filha, Carolina Corrêa, da Assistência Social.

Outras mudanças – Substituído por Hilda Moreira na Coordenadoria da Melhor Idade, o ex-vereador Eduardo Kita foi nomeado como assessor especial do Executivo, onde atuará mais próximo do prefeito. Já o ex-deputado federal Bernardo Ariston passa a ocupar a Coordenadoria-Geral de Indústria e Comércio.

A reportagem da Folha entrou em contato com a Prefeitura para pedir um posicionamento sobre a nomeação da primeira-dama na Secretaria de Assistência Social, mas não recebeu retorno até o fechamento desta edição.