Assine Já
quarta, 23 de setembro de 2020
Região dos Lagos
21ºmax
16ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7942 Óbitos: 418
Confirmados Óbitos
Araruama 1581 102
Armação dos Búzios 477 10
Arraial do Cabo 231 15
Cabo Frio 2555 140
Iguaba Grande 649 36
São Pedro da Aldeia 1284 51
Saquarema 1165 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
buraco

Moradores esbanjam criatividade para se manifestar contra buracos

Sinalização em diversos pontos de Cabo Frio foi coberta com bonecos e recados ao governo

19 agosto 2016 - 08h32Por Gabriel Tinoco
Moradores esbanjam criatividade para se manifestar contra buracos

Os cabofrienses cansaram de implorar e, dessa vez, arrumaram jeitos mais criativos de chamar a atenção do governo. Moradores de vários bairros da cidade sinalizaram os buracos mais profundos com bonecos e textos para alertar motoristas e pedestres desavisados. As ruas Salvador, nas Palmeiras, Belgrado, no Jardim Olinda, Rui Barbosa, no Centro, e Travessa Novelino, na Praia do Siqueira, foram ‘enfeitadas’ pela impaciência com o poder público.

A gota d’água na Rua Belgrado se esgotou na madrugada de ontem. Os moradores ‘comemoraram’ o aniversário de meses de um buraco – que tem uma manilha quebrada que infesta o começo da via com o cheiro de esgoto. O auxiliar técnico Felipe Azeredo, 24, lamenta a atitude, mas reforça que foi necessária.

– Como em Cabo Frio é necessário fazer vandalismo para chamar atenção, fizemos isso. Há esgoto vazando porque a manilha está quebrada. Mas isso é lá para o início da rua. Basta passar lá para ver. Já o mau cheiro está por toda a parte. Para piorar a situação, uma senhora abriu o portão e quase derrubou um motociclista, que foi obrigado a passar pela calçada – afirmou ele, que mostra impaciência com a morosidade do governo.

– Meu pai foi na secretaria para reclamar do buraco. Na primeira vez, fizeram o serviço. Pouco depois, apareceu novamente.  Ninguém faz nada. Meu pai foi lá e eles não tinham resposta de nada – critica.

O autônomo Junior Oliveira justificou a ação com a falta de soluções da parte da Prefeitura.

– A gente cobra. Mas não adianta nada. Não faríamos isso se a rua não estivesse largada. Há mau cheiro. Quando chove, tudo fica alagado. Ainda há risco de doença por causa do esgoto. Não dava mais para ficar assim.

O promotor de vendas João Pedro Carvalho, 23, enumerou os problemas ocasionados pelo buraco. E a lista é extensa.

– Já vi um carro que quase caiu na cratera. Se um carro passava em uma direção, o outro precisava dar a volta. Não tinha como passar. Atrapalha o trânsito. Além disso, crianças e cachorros tinham o risco de cair ali e se machucar feio. A coleta de lixo também era prejudicada, porque o caminhão não consegue passar e nem a bicicleta dos coletores. Caminhão, então, nem pensar. Nós pagamos nossos impostos e não há nenhum retorno por isso.

A autônoma Alice Mendes, 69, também estava indignada.
– Um senhor quase caiu no chão. Isso sem contar com o fedor provocado pelo esgoto. Minha filha abriu e quase jogou um ciclista no chão. Os problemas são muitos. 

A situação é bem semelhante na Travessa Novelino: a tubulação não suportou o peso dos veículos de alta carga, quebrou e o esgoto retorna para os lares. O cheiro é tão forte que os moradores colocaram um boneco da famosa porquinha Peppa Pig, para simbolizar o caos pela rua. 
Nem o centro da cidade escapa. Após o famoso ‘buraco olímpico’, que foi assim chamado por ter uma bandeira do Brasil, surgiu mais um, também na Rui Barbosa. O aposentado José Inácio, 81, presenciou um acidente. 

– Um carro teve o farol quebrado porque caiu no buraco. O carro passou por cima da cadeira que estava sinalizando e afundou. Não fazem nada. Há meses em que botaram galhos de árvore no outro buraco que tinha e assim ficou. Daqui a pouco haverá mais acidentes – finaliza.

O secretário de Obras, Paulo Castro, se prontificou a solucionar os problemas. 

– Vou dar uma olhada porque mexi na Rua Belgrado. Não sei o que aconteceu. Deve ter tido uma obstrução e começou a voltar o esgoto. Mas estarei nas ruas para poder resolver tudo – prometeu o secretário.