Assine Já
terça, 15 de junho de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
15ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 42644 Óbitos: 1636
Confirmados Óbitos
Araruama 10478 329
Armação dos Búzios 5160 57
Arraial do Cabo 1486 81
Cabo Frio 11383 605
Iguaba Grande 4350 105
São Pedro da Aldeia 5841 254
Saquarema 3946 205
Últimas notícias sobre a COVID-19
Conselho Tutelar

Moradores de Cabo Frio e Tamoios escolhem novos membros do Conselho Tutelar

Eleições serão realizadas nos dois distritos municipais já neste domingo (4)

02 outubro 2015 - 12h04

GABRIEL TINOCO

Cabofrienses poderão conhe­cer os novos membros do Con­selho Tutelar do primeiro e do segundo Distrito neste fim de semana. A eleição, que acontece em todo país, será realizada nes­te domingo, das 8 às 17h, em vá­rios colégios da cidade. O voto será facultativo.

O eleitor poderá votar somen­te nos candidatos inscritos para o Conselho Tutelar do distrito de sua respectiva seção eleitoral e em apenas um deles. Todo cida­dão com mais de 16 anos, ins­crito como eleitor de Cabo Frio, desde que esteja com suas obri­gações eleitorais em dia, poderá votar nesta eleição.

Para o exercício, o cidadão deverá apresentar-se no local de votação com título de eleitor e documento oficial de identidade com foto.

Quem não sabe os candidatos, os locais e os horários de votação, deverá entrar em contato com o Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente da cidade. Também poderá acionar a Promotoria de Justiça da Infância e da Juventude da comarca.

Os eleitores das seções do pri­meiro distrito poderão votar nas seguintes zonas eleitorais: Es­cola Municipal Professor Zélio Jotha, em São Cristóvão; Colé­gio Municipal Rui Barbosa, no Centro; Colégio Municipal Pro­fessora Elza Maria Santa Rosa Bernardo, no Jardim Esperança.

Já os eleitores do 2º Distrito poderão votar nas seguintes se­ções: Centro Educacional Mu­nicipal Professora Marli Capp, em Unamar; Escola Municipal Edith Castro dos Santos, em Santo Antônio.

Cada conselho conta com cinco titulares e cinco suplen­tes, para um mandato de quatro anos, podendo ser reconduzidos uma única vez.

Os cinco candidatos mais vo­tados preencherão as vagas e os demais serão listados como su­plentes em ordem decrescente de votação. O Conselho Muni­cipal dos Direitos da Criança e do Adolescente deverá dar am­pla publicidade ao resultado do processo de escolha. A posse acontecerá no dia 10 de janeiro do ano que vem.

*Leia a matéria completa na edição impressa desta sexta-feira (2)