Assine Já
segunda, 23 de novembro de 2020
Região dos Lagos
23ºmax
19ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 11377 Óbitos: 530
Confirmados Óbitos
Araruama 2262 116
Armação dos Búzios 1000 16
Arraial do Cabo 364 16
Cabo Frio 3609 179
Iguaba Grande 1034 39
São Pedro da Aldeia 1693 75
Saquarema 1415 89
Últimas notícias sobre a COVID-19
farol velho

Marinha do Brasil promove trilhas ao Farol Velho e Farol Novo em Arraial do Cabo

Próxima ida às ruínas do Farol Velho acontece no fim de semana e custa R$80,00

28 março 2017 - 10h18

O Instituto de Estudar do Mar Almirante Paulo Moreira, unidade da Marinha do Brasil em Arraial do Cabo, está promovendo trilhas para o Farol Velho e o Farol Novo, ambos localizados nas Ilha do Farol - ponto que é controlado pela Marinha. Uma nova escada está sendo construída para que o acesso às ruínas do Farol Velho se tornem mais acessíveis. As visitas têm data marcada e custam R$80,00 (inteira) e para estudantes, maiores de 60 anos com atestado médico, militares do Exército Brasileiro, Força Aérea do Brasil, forças auxiliares e dependentes, R$40,00. Militares e servidores civis da Marinha do Brasil, e seus dependentes não pagam. Grupo máximo de 20 pessoas.

As saídas para realização das trilhas para as ruínas do Farol Velho e Farol Novo começam com concentração programada para 8:00hs, no Museu Oceanográfico do IEAPM, localizado na Praça Daniel Barreto s/nº, Praia do Anjos - Arraial do Cabo/RJ, com saídas previstas para 9:00hs.  O transporte marítimo será realizado pela embarcação do IEAPM. Os ingressos são vendidos somente na hora. 

As visitas de sexta-feira serão, preferencialmente, destinados à Família Naval e, aos sábados, para o público em geral. Por enquanto, a visita ao topo do Farol Velho estão comprometidas por conta de uma obra de melhoria na escadaria. 

"Comunicamos a todos que está sendo providenciada obra de instalação de uma nova escada, mais adequada para acesso ao topo da ruína do Farol Velho, que proporcionará maior conforto e segurança para os visitantes. Em função desta obra, o destino final das próximas visitas será a base das ruínas, não sendo possível o acesso ao topo para fotos e apreciação da vista panorâmica" - informa a Marinha. .

Ainda de acordo com o site do Instituto, "o Projeto da Ilha de Cabo Frio é de cunho educacional e visa a divulgação das riquezas histórico-culturais, científicas, biológicas e paisagísticas do ambiente da Ilha do Cabo Frio e seu entorno, bem como reforça os conceitos da Amazônia Azul e a importância do mar para o nosso País. A Ilha abriga sítios arqueológicos, diversificada flora e animais endêmicos, que também serão temas abordados durante o trajeto".

Seguem as datas: 

Programação de passeios a Ilha do Cabo Frio:

31 Março 2017

Sexta-feira

Ruínas do Farol Velho

01 Abril 2017

Sábado

Ruínas do Farol Velho

07 Abril 2017

Sexta-feira

Proximidades do Farol do Cabo Frio

08 Abril 2017

Sábado

Proximidades do Farol do Cabo Frio

14 Abril 2017

Sexta-feira

Ruínas do Farol Velho

15 Abril 2017

Sábado

Ruínas do Farol Velho

21 Abril 2017

Sexta-feira

Ruínas do Farol Velho

22 Abril 2017

Sábado

Ruínas do Farol Velho

28 Abril 2017

Sexta-feira

Proximidades do Farol do Cabo Frio

29 Abril 2017

Sábado

Proximidades do Farol do Cabo Frio

 

Agende seu passeio:

Email: [email protected]

Tel: (22) 2622-9008

 

Aos interessados em participar faz-se necessário:

- Levar água e lanche suficiente para cerca de 4 a 5 horas;
- Usar boné e protetor solar;
- USO OBRIGATÓRIO: calça comprida, camisa meia manga e calçado fechado adequado para trilha ou tênis (não será permitida a subida com calçados com solado liso ou escorregadio). A Ilha possui animais peçonhentos, como cobras, aranhas e lacraias;
- Levar sacolas para armazenar seu próprio lixo.

Recomenda-se o uso de traje de banho sob a roupa para quem desejar realizar banho de mar após o trajeto, de acordo com o cumprimento do cronograma previsto.

Para participar das trilhas a pessoa tem que ser maior de 14 e menores de 68 anos. Os maiores de 60 (sessenta) anos de idade devem, obrigatoriamente, apresentar atestado médico que comprove expressamente que se encontra em condições de saúde “para realizar atividade, que inclui uma trilha com esforço de escalada do nível do mar até 390 metros de altitude, com duração média de duas horas em cada sentido (subida e descida)”. O atestado médico a ser apresentado deverá ter sido emitido em data não superior a trinta dias."

Foto: Farol Novo

 

Foto: Farol Velho