Assine Já
sexta, 17 de setembro de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 50529 Óbitos: 2055
Confirmados Óbitos
Araruama 12146 429
Armação dos Búzios 6138 64
Arraial do Cabo 1679 90
Cabo Frio 13948 821
Iguaba Grande 5338 134
São Pedro da Aldeia 6812 284
Saquarema 4468 233
Últimas notícias sobre a COVID-19
Cabo Frio

Lojistas do Park Lagos esperam indenização, mas isentam administração

Parte do teto de algumas lojas cedeu com a força da tempestade de sábado

24 novembro 2015 - 09h21

Algumas das imagens que mais chamaram a atenção du­rante a tempestade que caiu so­bre Cabo Frio no último sábado foram gravadas no Shopping Park Lagos, na Palmeiras. Fo­tos e gravações de parte do teto cedendo com a força da água no interior de cinco lojas logo foram veiculadas nas redes so­ciais, mas para o presidente da Associação dos Lojistas do sho­pping, Sérgio Luiz Santos, a ad­ministração do Park Lagos não pode ser responsabilizada pelo fato. Apesar disso, ele acredita que não haverá problemas para receber a indenização por even­tuais prejuízos.

– Vejo isso que aconteceu com muita tristeza, mas isso já aconteceu outras vezes desde que o shopping foi inaugurado (dezembro de 2013). Mas tenho a consciência de que não é res­ponsabilidade da administração. É um erro de execução da obra – disse Sérgio Luiz, que viu ‘exa­gero’ nas informações veicula­das sobre o assunto.

A assessoria do shopping en­vou uma nota na qual disse que o empreendimento “empenhou todos os esforços para sanar os problemas causados pelas fortes chuvas, com volume pluviomé­trico acima da média, que atin­giram Cabo Frio no último sá­bado.” O texto diz ainda que “as lojas que apresentaram proble­mas foram fechadas para facili­tar os reparos e garantir a segu­rança de todos” e que “as outras áreas do shopping atingidas fo­ram liberadas e o shopping fun­cionou normalmente no restante do dia. Todas as providências es­tão sendo tomadas para o pleno funcionamento do shopping.”

Ampla – A Ampla informou que equipes da companhia es­tão sendo encaminhadas aos locais onde postes caíram ou estão com risco que isso acon­teça. A empresa disse que os técnicos realizam a inspeção periódica dos postes de toda área de concessão para identi­ficar a necessidade de substi­tuição e manutenção.