Assine Já
segunda, 21 de setembro de 2020
Região dos Lagos
20ºmax
16ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7728 Óbitos: 407
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 468 10
Arraial do Cabo 215 13
Cabo Frio 2528 136
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1213 50
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Arraial

‘Língua negra’ em Arraial e mais algas na Lagoa escancaram saneamento deficiente

Chuva que acentua problemas

15 setembro 2015 - 11h23

RODRIGO BRANCO

 

A chuva insistente que caiu nos últimos dias expôs toda a deficiência do sistema de saneamento básico nas cidades da região e, como de hábito, quem mais sofreu as consequências foi o meio ambiente. Por conta disso, pelo menos dois fatos no fim de semana causaram indignação coletiva e expuseram problemas que em dias ensolarados ficam menos evidentes.

Anteontem, uma grande língua negra apareceu na Praia dos Anjos e teve a imagem divulgada nas redes sociais, irritando os moradores. O esgoto ‘in natura’ saiu de uma galeria que fica sob a Avenida da Liberdade. O presidente da Empresa de Saneamento de Arraial do Cabo (Esac), César Barreto, disse que se trata de um ‘acidente’, cujo alarde na divulgação é ‘político’.

Ele disse ainda que, apesar das dificuldades de investimento, a empresa se movimenta por uma solução.

– Em todo lugar do mundo, quando chove muito, o esgoto corre para onde há recursos hídricos. Acontece que a maré encheu e tirou o tampão de areia que fica na saída do canal – diz ele que admite que, no futuro, o serviço pode ser concedido à iniciativa privada.

Enquanto isso, nas Palmeiras, em Cabo Frio, a proliferação de algas por causa do despejo de dejetos na Lagoa, problema relatado pela Folha em seguidas reportagens recentes, acentuou-se no fim de semana por causa do mau tempo da última semana.

 

*Leia a matéria completa na edição impressa desta terça-feira (15)