Assine Já
quinta, 22 de outubro de 2020
Região dos Lagos
23ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 9339 Óbitos: 478
Confirmados Óbitos
Araruama 1907 110
Armação dos Búzios 574 10
Arraial do Cabo 283 15
Cabo Frio 3072 166
Iguaba Grande 819 38
São Pedro da Aldeia 1434 66
Saquarema 1250 73
Últimas notícias sobre a COVID-19
CIDADANIA

Inscrições para cerimônia comunitária de casamento homoafetivo estão abertas em Cabo Frio

Interessados devem entrar em contato até a próxima terça-feira (29)

24 setembro 2020 - 15h00Por Redação
Inscrições para cerimônia comunitária de casamento homoafetivo estão abertas em Cabo Frio

Casais homoafetivos e transafetivos de Cabo Frio têm a chance de juntar as escovas de dente e oficializar a união. Estão abertas até a próxima terça-feira (29) as inscrições para o casamento civil homoafetivo comunitário, iniciativa da Superintendência LGBTQ+ , com o apoio do Grupo Iguais. As vagas para a cerimônia coletiva são limitadas. Para se inscrever, o casal precisa ser morador de Cabo Frio e ter a renda mensal de até R$ 3 mil.

Para se inscrever, agendar entrevista e obter outras informações, os interessados devem entrar em contato pelos telefones (22) 2041-2782 ou (22) 99720-2782 (via WhatsApp). Ainda não há data marcada para a cerimônia, que deve ocorrer na primeira semana de novembro.

O local também ainda será escolhido, mas a solenidade ocorrerá de acordo com os protocolos de segurança sanitária, por causa da pandemia de Covid-19.

– A cerimônia vai obedecer a todos os requisitos de segurança e de isolamento social, por conta da pandemia. Ela vai ser restrita aos noivos e à equipe que vai participar. A gente tem a possibilidade de conseguir fazer a transmissão on-line, ao vivo, para a família e os amigos dos noivos que quiserem acompanhar – explica o superintendente Matheus Cardoso. 

Para concretizar a inscrição, é necessário enviar a seguinte documentação: CPF; certidão de casamento ou nascimento; comprovante de residência; comprovante de renda (contracheque ou carteira de trabalho) e 
declaração de Isenção do Imposto de Rendaniciativa.

Os interessados devem escolher também o regime de casamento: comunhão parcial, comunhão de bens, separação legal de bens ou participação final dos aquestos. Além disso, se o casal possuir filhos em comum, deve-se apresentar a cópia autenticada da certidão de nascimento do (s) filho (s).

Presidente do Grupo Iguais, Rodolpho Campbell comentou sobre a importância da iniciativa.

– Esta é mais uma ação no sentido de garantir a cidadania e os direitos da comunidade LGBT. O casamento coletivo vem para coroar o ano de 2020, em que tivemos diversas ações de apoio à diversidade – pontua.

 

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.