Assine Já
sábado, 08 de agosto de 2020
Região dos Lagos
26ºmax
15ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 4786 Óbitos: 283
Confirmados Óbitos
Araruama 820 56
Armação dos Búzios 357 9
Arraial do Cabo 120 12
Cabo Frio 1563 93
Iguaba Grande 334 23
São Pedro da Aldeia 748 39
Saquarema 844 51
Últimas notícias sobre a COVID-19
sepe

Guardas Municipais e profissionais da Educação vão parar na Delegacia

Confusão aconteceu na sede da secretaria de Fazenda de Cabo Frio

16 dezembro 2015 - 16h13

Em greve, o funcionalismo público de Cabo Frio realizou mais uma manifestação nesta quarta-feira (16). Mas desta vez o protesto acabou na 126ªDP, onde representantes da Guarda Municipal e profissionais da Educação registram dois boletins de ocorrência: um de dano ao patrimônio público e outro de agressão. O tumulto aconteceu quando os manifestantes tentaram entrar na Secretaria de Fazenda e os guardas impediram – na confusão um vidro da secretaria foi quebrado.

– Nós pedimos para usar o banheiro e eles não quiseram deixar. Houve um empurra, empurra e aí começou a confusão. Os guardas nos agrediram, temos várias mulheres com marcas da agressão – informou Denise Teixeira, diretora de Imprensa do Sepe.

– Estava tudo tranquilo até que a Denise forçou a entrada e deu um soco no vidro. Eu tentei conter a confusão e apanhei delas, levei vários socos nas costas. Tem um guarda que levou um soco na boca e outro está com a mão cortada. Nós só protegemos o patrimônio público – desabafou o Guarda Luiz Claudio Dutra. 

Um advogado da Comissão de Diteiros Humanos da OAB está acompanhando o caso na Delegacia.