Assine Já
terça, 07 de dezembro de 2021
Região dos Lagos
25ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 53752 Óbitos: 2196
Confirmados Óbitos
Araruama 12500 448
Armação dos Búzios 6589 73
Arraial do Cabo 1755 93
Cabo Frio 15618 902
Iguaba Grande 5581 147
São Pedro da Aldeia 7054 290
Saquarema 4655 243
Últimas notícias sobre a COVID-19
DE 26 A 28 DE JULHO

Fim de espera: Cabo Frio convoca concursados de 2009 da Educação para exames médicos

Previsão é que a tomada de posse dos profissionais aconteça em agosto

16 julho 2021 - 18h43Por Rodrigo Branco

Uma longa espera de 11 anos está muito perto de acabar, pelo menos segundo a Prefeitura de Cabo Frio. De acordo com a Secretaria de Educação, há uma previsão para que os candidatos aprovados no concurso de 2009 passem por exame admissional entre os próximos dias 26 e 28 de julho. A posse e a escolha de lotação dos profissionais ocorrerão em seguida e a data está sendo alinhada pelo prefeito José Bonifácio (PDT) e as secretarias de Administração e Educação. A expectativa é que isso aconteça no começo de agosto, segundo a Folha apurou.

A possibilidade de dar posse ao último grupo de aprovados no concurso público de 2009 foi admitida em público pelo prefeito, pela primeira vez, esta semana durante uma entrevista ao jornalista Sidnei Marinho, da TV Litoral News. Entre outras questões, Bonifácio falou da chance de chamar os profissionais da Educação.
– Eu tinha uma certa resistência a empossar os cento e pouquinhos aprovados no concurso de 2009, para entrarem neste PCCR atual. Mas [...] vamos chamar estes concursados ainda pelo plano atual – declarou o prefeito, durante o programa.

Segundo o Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação Núcleo Lagos (Sepe Lagos), os “cento e pouquinhos” são, na verdade, 181 profissionais já foram convocados no Edital nº 15, ainda no ano passado, no governo do então prefeito Adriano Moreno. Desta quantidade, 94 compareceram e foram aptos a assumir os cargos. A entidade cobra não apenas uma nova chamada dos que não puderam comparecer e o agendamento dos exames admissionais.

Em nota publicada em suas redes sociais, o Sepe Lagos criticou a demora da atual gestão e das anteriores para chamar os aprovados, muitos dos quais se encontram em dificuldades financeiras. 

“É uma vitória bastante tardia. Estes trabalhadores aguardam por isso há mais de uma década. Porém ela é muito importante e significa um avanço imenso para estes profissionais, que há tantos anos se dedicam à educação, mas não foram considerados “essenciais”. Foram covardemente demitidos pelo ex-prefeito Adriano Moreno e o ex-secretário de educação Ian de Carvalho, em plena pandemia”, diz o texto.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.