Assine Já
quarta, 23 de setembro de 2020
Região dos Lagos
21ºmax
16ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7914 Óbitos: 414
Confirmados Óbitos
Araruama 1580 102
Armação dos Búzios 474 10
Arraial do Cabo 231 13
Cabo Frio 2555 140
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1284 51
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Fabrício Vargas

Fabrício Vargas nega acusação de extração ilegal de areia

Vereador de Arraial afirma que fazia limpeza de brejo para fazer lago e denúncia pode ser politicagem

16 janeiro 2016 - 13h53

O vereador Fabrício Vargas (PMDB), de Arraial do Cabo, negou acusação de extração ilegal de areia pela qual foi multado esta semana pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea) conforme mostrou reportagem da edição impressa da Folha deste fim de semana. O parlamentar afirmou que fazia limpeza de brejo seco no sítio de sua propriedade para construção de lago para colocar patos e cisnes. Ele declarou ainda que denúncia pode ter sido politicagem.

– Não havia atividade de extração lá. A limpeza foi feita em julho do ano passado e quando a equipe esteve lá pode verificar isso. Eles não acharam máquinas, caminhão, equipamento algum. O Inea recebeu a denúncia que pode ter sido politicagem porque várias situações estão vindo à tona em Arraial por ser ano eleitoral. Não tem outra explicação – explicou, e afirmou manter, além do lago, apenas uma criação de aves ornamentais no sítio, mas "nada relacionado a extração".   

No entanto, de acordo com a denúncia recebida pelo Inea, a suposta retirada da areia era feita na zona rural de Cabo Frio, na área de Campos Novos, e em Armação dos Búzios. A equipe da Superintendência encontrou o sítio, que fica ao lado e nos fundos de um parque aquático na Estrada da Integração, após denúncias que teriam sido feitas no início deste mês. Caso comprovada, a estimativa do órgão é que a cobrança da multa seja fixada em torno de R$ 50 mil para o parlamentar, referente à cerca de um hectar (10 mil metros), área onde a atividade, que já foi embargada pela Justiça, aconteceria.