Assine Já
segunda, 20 de setembro de 2021
Região dos Lagos
26ºmax
20ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 50688 Óbitos: 2057
Confirmados Óbitos
Araruama 12158 430
Armação dos Búzios 6182 64
Arraial do Cabo 1680 90
Cabo Frio 14015 822
Iguaba Grande 5355 134
São Pedro da Aldeia 6830 284
Saquarema 4468 233
Últimas notícias sobre a COVID-19
inss

Em greve, agência do INSS funciona parcialmente

Segundo funcionária, a greve ainda não tem data para acabar

15 julho 2015 - 09h26Por Filipe Carbone

Apesar de a unidade de Cabo Frio do INSS ter aderido à greve nacional do órgão, o serviço à população continua sendo prestado parcialmente na cidade. No entanto, funcionários alertam que é preciso paciência, porque agora o atendimento é realizado por um número menor de pessoas.
– Estamos trabalhando parcialmente. As pessoas que chegarem aqui precisam entender que estamos com funcionários reduzidos e que o serviço agendado é preferencial, portanto, quem vier sem o agendamento vai precisar esperar um pouco. Mesmo assim, tentamos atender a todos – disse uma funcionária que não quis se identificar.
A greve teve início na última quarta e ainda não tem previsão para acabar. Os funcionários esperam o posicionamento do Governo Federal referente às reivindicações da classe.
– Esperamos que os pedidos de reajuste salarial (de 27,5%), melhoria nas condições de trabalho e no atendimento à população sejam atendidos – disse ela.
Outros municípios da Região dos Lagos aderiram à greve – além de Cabo Frio, Arraial do Cabo e Saquarema também estão em greve e sem previsão de volta. A greve teve início no Rio de Janeiro após a Assembleia dos Setores Federais da Seguridade e do Seguro Social, realizada na noite do dia 6, no SindispreveRJ.
O objetivo é mobilizar pelo menos 70% dos servidores. De acordo com dados do Ministério da Previdência Social, das 1.605 agências do país, 196 estavam fechadas e 273 permaneciam com atendimento parcial.