Assine Já
segunda, 28 de setembro de 2020
Região dos Lagos
35ºmax
20ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 8099 Óbitos: 418
Confirmados Óbitos
Araruama 1625 102
Armação dos Búzios 487 10
Arraial do Cabo 248 15
Cabo Frio 2555 140
Iguaba Grande 684 36
São Pedro da Aldeia 1323 51
Saquarema 1177 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Conselho Tutelar

Eleitores denunciam eleição do Conselho Tutelar

No WhatsApp e nas redes sociais, leitores se queixam de boca de urna e compra de voto

06 outubro 2015 - 09h35

NICIA CARVALHO

Foram muitas as reclamações nas redes sociais e em grupos de whatsapp sobre suposta cor­rupção na eleição ocorrida no domingo para a escolha dos dez novos membros dos Conselhos Tutelares de Cabo Frio e de Tamoios, no segundo distrito. Entre as queixas, boca de urna, compra de voto, distribuição de panfletos, além de fretamento de ônibus e vans, por parte de polí­ticos da cidade, para transporte de eleitores.

Leitores enviam fotos de boca de urna e compra de voto

A Folha recebeu fotos e víde­os, mas os denunciantes pediram para não serem indentificados. Denúncia anônima também foi feita na Escola Municipal Zélio Jotha, um dos locais de vota­ção, e à ouvidoria do Ministério Público. Segundo informações de eleitores, não havia policiais militares, guardas municipais ou fiscais do MP nas ruas.

– Eu votei na Zélio Jotha (escola), por volta das 10h30, e tinha muita gente fazendo boca de urna. Fiz foto, vídeo. Teve fila e algumas pessoas tiveram dificuldade para votar porque era necessária uma senha para cada pessoa, que se não funcionasse, o eleitor não poderia votar. Tam­bém liguei para o número 127, do Ministério Público – contou a eleitora Ana Paula Garcia.

 

*Leia a matéria completa na edição impressa desta terça-feira (6)