Assine Já
sexta, 14 de maio de 2021
Região dos Lagos
24ºmax
17ºmin
http://www.alerj.rj.gov.br/
http://www.alerj.rj.gov.br/
TEMPO REAL Confirmados: 38094 Óbitos: 1459
Confirmados Óbitos
Araruama 9614 300
Armação dos Búzios 4695 57
Arraial do Cabo 1317 69
Cabo Frio 10146 538
Iguaba Grande 3800 93
São Pedro da Aldeia 5248 227
Saquarema 3274 175
Últimas notícias sobre a COVID-19
educação

Educação: Pagamento na conta até amanhã

Após desbloqueio da verba do Fundeb, Prefeitura começa processo para pagardo

25 janeiro 2017 - 07h49
Educação: Pagamento na conta até amanhã

Segundo o secretário de Fa­zenda, Clésio Guimarães, o pagamento da Educação estará na conta até amanhã – o prazo é o dia 31. Clésio afirma que a Secretaria de Administração en­viou ontem a folha de pagamen­to, que já foi processada pela Fazenda, e agora só depende de o dinheiro vencer as burocracias bancárias para que cheguem à conta do servidor público. O prazo normal para que isso aconteça, segundo ele, é o de até 48 horas após o pagamento.

O acerto só é possível gra­ças ao desbloqueio da verba do Fundeb, que ocorreu no fim da tarde de sexta. Segundo o acor­do firmado entre Prefeitura e Sepe Lagos, até dia 31 devem ser pagos os salários de outubro e novembro do ano passado e janeiro deste ano. Clésio infor­ma que foram desbloqueados R$ 6,5 milhões, que engrossam o caixa da Prefeitura, que ago­ra tem cerca de R$ 12 milhões para cumprir os pagamentos.

O próprio Sepe Lagos ha­via conseguido o arresto para o governo passado não conseguir movimentar o dinheiro do Fun­deb – e os servidores recebessem através da Justiça. De acordo com Denise Teixeira, diretora do Sepe, o sindicato está ciente das dificuldades burocráticas que o novo governo está enfrentando.

– Sabemos dos entraves bu­rocráticos, que devem ser solu­cionados para que o acordo seja cumprido – afirma.

O procurador Carlos Magno de Carvalho, responsável por desemaranhar a teia burocrática com a qual a atual gestão vem travando embate, comemorou:

– O desbloqueio, nesse mo­mento, é importantíssimo. Está­vamos confiantes de que íamos conseguir – disse.

Se o pagamento de outubro, novembro e janeiro não for de­positado até dia 31, profissionais da Educação cruzarão os braços no primeiro dia de fevereiro (jus­tamente quando está marcado para voltar as aulas em algumas escolas). O Sepe tem assembleia marcada para o dia 31, no audi­tório do Colégio Edílson Duarte, no Jardim Caiçara, às 18h.