Assine Já
quarta, 23 de setembro de 2020
Região dos Lagos
21ºmax
16ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7914 Óbitos: 414
Confirmados Óbitos
Araruama 1580 102
Armação dos Búzios 474 10
Arraial do Cabo 231 13
Cabo Frio 2555 140
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1284 51
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Geral

Éberson, destaque da Cabofriense na campanha do estadual, pode deixar o time

Ele negocia com o Sampaio Corrêa

06 maio 2014 - 16h04
Um dos principais jogadores da Cabofriense pode estar com as malas prontas para ir embora. Éberson ainda não acertou a renovação com o clube e recebeu proposta do Sampaio Corrêa para disputar a Série B do Brasileirão.  O contrato dele terminou antes do Campeonato Carioca. A Cabofriense convocou reunião para negociar a permanência dos atletas no Hotel Caribe, no bairro Algodoal, ainda no mês passado. O meia pretende avaliar melhor as ofertas e pediu uma semana aos dirigentes para definir se fica ou não em Cabo Frio.  
– O Sampaio Corrêa formalizou uma proposta e o time está na Série B do Campeonato Brasileiro. O atleta está decidindo qual será o futuro e pediu um prazo para a gente (diretoria) esperar. Ele vai avaliar a proposta e dar uma posição em uma semana. Vamos respeitar a vontade do jogador e decidir o que será bom para ele e para o clube. Sempre precisamos pensar nos dois lados na hora de fazer uma negociação – disse o diretor Ramom Oliveira, que apenas irá aguardar a decisão. 
– O contrato dele terminou antes do Carioca. Fizemos uma proposta para que ele continuasse há um mês. Então vamos ver qual será a vontade do atleta. Esperamos somente que ele decida qual proposta vai aceitar para ver qual será a nossa posição. Já fizemos o nosso papel e agora precisaremos esperar. Ele pediu um tempo para tomar a decisão e vamos respeitá-lo – completa.
Éberson se destaca desde o ano passado, quando a Cabofriense estava na Série B do Estadual. O jogador fez uma excelente temporada e foi um dos grandes responsáveis pela campanha que resultou o retorno à elite do futebol carioca. O meia marcou um gol de falta na vitória apertada por 1 a 0 sobre o Boavista diante de um Correão completamente lotado. A partida era a mais importante do ano e o resultado garantiu o acesso. A Cabofriense se beneficiou de um empate entre Boavista e América e, de quebra, conquistou o título pelo critério de saldo de gols. Além disso, ele se sagrou artilheiro do time na competição com 11 gols marcados.  
Tudo indicava que o meio-campista iria repetir o sucesso. Éberson fez dois gols na estreia do Carioca contra o Macaé e saiu de campo como o melhor da partida. No entanto, o jogador teve grande queda de produção no decorrer do campeonato e não teve o mesmo desempenho da última temporada. Ele voltou a fazer boas exibições justamente nas semifinais contra o Flamengo, quando a Cabofriense deu adeus à competição. O meia fez o gol de honra na derrota por 3 a 1 para o Rubro Negro. Ele girou em cima da marcação e chutou cruzado sem chance de defesa para o goleiro Felipe. Na ocasiação, Éberson foi o vice-artilheiro da equipe com quatro gols.   
Sampaio Corrêa – O clube conta com um fator que pode ser fundamental na decisão de Éberson: a disputa da Série B do Brasileirão. O time de Saquarema conquistou a vaga após eliminar o Macaé nas quartas de final da Terceira Divisão no ano passado. O acesso não acontecia desde 1972. O clube chegou à final, mas ficou apenas com o vice-campeonato devido à derrota para o Santa Cruz. 
A estreia do Sampaio Corrêa não foi nada animadora. O clube perdeu para o Paraná por 2 a 0 diante da própria torcida e mostrou desconfiança logo na estreia. Mas a recuperação não demorou muito a chegar: uma goleada por 3 a 0 sobre o Icasa veio logo na rodada seguinte. Um empate contra o Oeste fez com que o time seguisse sem vencer dentro de casa. A equipe atualmente ocupa a nona posição na tabela com quatro pontos conquistados – o mesmo número do tradicional Vasco da Gama. O ataque marcou cinco gols nos três jogos realizados.