Assine Já
segunda, 26 de outubro de 2020
Região dos Lagos
25ºmax
19ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 9419 Óbitos: 486
Confirmados Óbitos
Araruama 1914 111
Armação dos Búzios 582 10
Arraial do Cabo 298 15
Cabo Frio 3084 168
Iguaba Grande 826 38
São Pedro da Aldeia 1456 71
Saquarema 1259 73
Últimas notícias sobre a COVID-19
dia internacional de combate a homofobia

Cruzes na Praia do no Forte Dia Municipal de Combate a Homofobia

Grupo Iguais faz ato para chamar atenção para luta

17 maio 2015 - 12h07
Cruzes na Praia do no Forte Dia Municipal de Combate a Homofobia

 

No Dia Municipal de Combate a Homofobia, a Praia do Forte amanheceu com cruzes coloridas para chamar a atenção da população para a causa. No Brasil, em 2014, foram registradas 326 mortes – um aumento de 4% em relação a 2013. A cada 27 horas, uma pessoa foi assassinada por discriminação. O estado do Rio de Janeiro ocupa o quarto lugar nesse ranking, com 20 pessoas mortas.

O objetivo do evento de hoje, que também é o Dia Internacional de Combate a Homofobia, é relembrar e solidarizar-se com as vitimas de homofobia, além de exigir políticas públicas que promovam a cidadania plena da população LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais).

- Cotidianamente sofremos violência verbal e física nas ruas, além da homofobia institucional, em postos de saúde, escolas e pela polícia ao não respeitarem nossos direitos. A indiferença é a pior violência que existe, é como se a sociedade fechasse os olhos para o que passamos diariamente-  explica Rodolpho Campbell, Presidente do Grupo Iguais.

As cruzes devem ficar até às 14 h deste domingo na Praia do Forte, na altura da Praça das Águas.