Assine Já
quinta, 16 de julho de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
13ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 3553 Óbitos: 207
Confirmados Óbitos
Araruama 671 42
Armação dos Búzios 288 8
Arraial do Cabo 88 11
Cabo Frio 1067 66
Iguaba Grande 257 20
São Pedro da Aldeia 565 21
Saquarema 617 39
Últimas notícias sobre a COVID-19
dia internacional de combate a homofobia

Cruzes na Praia do no Forte Dia Municipal de Combate a Homofobia

Grupo Iguais faz ato para chamar atenção para luta

17 maio 2015 - 12h07
Cruzes na Praia do no Forte Dia Municipal de Combate a Homofobia

 

No Dia Municipal de Combate a Homofobia, a Praia do Forte amanheceu com cruzes coloridas para chamar a atenção da população para a causa. No Brasil, em 2014, foram registradas 326 mortes – um aumento de 4% em relação a 2013. A cada 27 horas, uma pessoa foi assassinada por discriminação. O estado do Rio de Janeiro ocupa o quarto lugar nesse ranking, com 20 pessoas mortas.

O objetivo do evento de hoje, que também é o Dia Internacional de Combate a Homofobia, é relembrar e solidarizar-se com as vitimas de homofobia, além de exigir políticas públicas que promovam a cidadania plena da população LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais).

- Cotidianamente sofremos violência verbal e física nas ruas, além da homofobia institucional, em postos de saúde, escolas e pela polícia ao não respeitarem nossos direitos. A indiferença é a pior violência que existe, é como se a sociedade fechasse os olhos para o que passamos diariamente-  explica Rodolpho Campbell, Presidente do Grupo Iguais.

As cruzes devem ficar até às 14 h deste domingo na Praia do Forte, na altura da Praça das Águas.