Assine Já
quarta, 27 de outubro de 2021
Região dos Lagos
24ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52450 Óbitos: 2151
Confirmados Óbitos
Araruama 12382 441
Armação dos Búzios 6530 73
Arraial do Cabo 1736 93
Cabo Frio 14792 880
Iguaba Grande 5486 140
São Pedro da Aldeia 6993 289
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
Geral

CPI da Alerj convoca diretores da Cremerj; órgão interditou Hospital da Mulher

Reunião acontece nesta terça-feira

21 maio 2019 - 08h43
CPI da Alerj convoca diretores da Cremerj; órgão interditou Hospital da Mulher
A deputada estadual Renata Souza realiza nesta terça-feira (21), às 10h, a sexta reunião ordinária da CPI do Hospital da Mulher de Cabo Frio. A reunião acontece no auditório 311. da Assembleia Legislativa do Estado do Rio. Na ocasião, serão ouvidos representantes do Conselho Regional de Medicina (Cremerj) e da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro. 
 
Na última quinta-feira (16) o Hospital da Mulher de Cabo Frio foi interditado pelo Cremerj. 
 
- Hoje, com a interdição do Hospital da Mulher, nós da CPI nos preocupamos com o fato de para onde irão estas mulheres que precisarem ter filhos. Vamos questionar as autoridades responsáveis, o que não pode acontecer é deixar a população sem atendimento, explica a deputada Renata Souza.
 
De janeiro a abril deste ano 17 bebês vieram a óbito no Hospital da Mulher de Cabo Frio. Já foram ouvidos pela CPI o Secretário de Saúde do Município, Márcio Mureb e dois ex-diretores do Hospital da Mulher de Cabo Frio, Lívia Natividade, que ocupava o cargo de diretora e Paul Hebert Dreyer, seu marido e ex-diretor geral do hospital, representantes da Delegacia da Mulher de Cabo Frio e da Associação de Doulas do Rio de Janeiro. Os diretores foram afastados cargo no mesmo dia em que foram ouvidos pela CPI.