Assine Já
segunda, 21 de setembro de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7728 Óbitos: 407
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 468 10
Arraial do Cabo 215 13
Cabo Frio 2528 136
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1213 50
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Comando dos Bombeiros da Baixada Litorânea

Coronel Leonardo Couri assume Comando dos Bombeiros da Baixada Litorânea

Unidade, que fica no Braga, em Cabo Frio, coordena destacamentos e batalhões 

09 novembro 2017 - 08h49Por Redação | Foto: Arquivo Folha
Coronel Leonardo Couri assume Comando dos Bombeiros da Baixada Litorânea

Nesta quinta-feira (9), a partir das 10h, acontece a troca de comando do CBA V – o Comando de Bombeiros de Área 5 - Baixada Litorânea. O coronel Eric Alves da Silva passa o cargo para o coronel Leonardo Couri, que esteve à frente do 18°GBM de 2014 a 2016. A unidade é um órgão diretamente ligado ao Subcomando Geral do Corpo de Bombeiro Militar do Rio de Janeiro. 

O foco principal do Comando é a diminuição do tempo resposta nos diversos atendimentos operacionais, visando o melhor atendimento a população. A área de atuação pega 14 cidades: Arraial do Cabo, Cabo Frio, Búzios, Carapebus, Casemiro de Abreu, Conceição de Macabú, Iguaba Grande, Macaé, Quissamã, Rio Bonito, Rio das Ostras, São Pedro da Aldeia, Saquarema e Silva Jardim.  Os grupamentos de Macaé (9°GBM), Cabo Frio (18°GBM) e Araruama (27°GBM) são subordinados ao CBA. 

Segundo o coronel Leonardo, que está satisfeito por voltar a atuar em Cabo Frio, já que mora na cidade, o objetivo principal do trabalho é apoiar os comandantes no planejamento para reduzir as taxas de mortalidade em toda a área de operação. 

– O comando de área é um órgão que efetua sob o comando do Estado Maior da corporação diretrizes e planejamento voltados para uma melhoria técnica operacional das suas unidades subordinadas , tendo como foco principal a diminuição do tempo resposta nos diversos atendimentos realizados. Esta unidade de comando não atua no socorro direto. São 14 municípios e 11 unidades entre destacamentos e Grupamentos – explica o coronel.