Assine Já
sexta, 18 de setembro de 2020
Região dos Lagos
30ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7654 Óbitos: 398
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 468 10
Arraial do Cabo 215 13
Cabo Frio 2467 130
Iguaba Grande 627 34
São Pedro da Aldeia 1213 50
Saquarema 1150 61
Últimas notícias sobre a COVID-19
invasões

Construções são demolidas em área de preservação em Arraial

​Três edificações foram ao chão em ação no Sabiá, distrito a 20Km do Centro

10 novembro 2017 - 12h09Por Redação I Foto: Divulgação
Construções são demolidas em área de preservação em Arraial

Três casas construídas em área de preservação ambiental, em Sabiá, distrito de Arraial do Cabo, foram demolidas nesta quinta-feira (9) em operação realizada pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea) em conjunto com as polícias ambiental e militar. Cerca de 20 pessoas participaram  da ação.  Segundo o diretor do Parque Estadual da Costa do Sol,  André Cavalcanti, as construções são “simulações de moradia”, pois as pessoas não moram de fato.

– As casas pertecencem a pessoas de diversos locais da região Sudeste, como Minas Gerais, Espírito Santo e, no Rio, Baixada Fluminense – ressalta André.

A área em questão pertence à Apa Estadual da Massambaba, mas também está dentro do Parque Estadual da Costa do Sol. Esta é a quarta grande operação neste ano, mas a reincidência faz com que as equipes voltem sempre aos mesmos locais.

– Eles voltam. A gente demole hoje, amanhã eles estão de volta. Mas é importante que as pessoas saibam que não adianta invadir, porque uma hora vamos demolir . A diversidade do bioma Mata Atlântica está ameaçado por dois desafios: fogo em vegetação e construções irregulares. E um está ligado ao outro porque o cara bota fogo para construir –finaliza André Cavalcanti. 

Há menos de um mês, outra grande operação aconteceu no local. Pelo menos 20 homens de órgãos como Comando de Polícia Ambiental, Polícia Militar, Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e Coordenadoria Integrada de Combate aos Crimes Ambientais (Cicca) fizeram ação contra invasões em distritos de Arraial do Cabo. Nove viaturas de diversos órgãos e até mesmo um helicótero também foram utilizados durante os trabalhos nos bairros Sabiá e Caiçara.