Assine Já
terça, 02 de março de 2021
Região dos Lagos
29ºmax
22ºmin
Tropical
Tropical mobile
TEMPO REAL Confirmados: 26824 Óbitos: 919
Confirmados Óbitos
Araruama 6793 183
Armação dos Búzios 3201 32
Arraial do Cabo 865 38
Cabo Frio 7434 352
Iguaba Grande 2529 55
São Pedro da Aldeia 3551 126
Saquarema 2451 133
Últimas notícias sobre a COVID-19
comerciantes

Comerciantes criam grande expectativa para Feriado da Padroeira

Lojistas de Cabo Frio esperam por aumento no movimento com a chegada dos turistas

07 outubro 2017 - 12h26
Comerciantes criam grande expectativa para Feriado da Padroeira
Ainda faltam cinco dias para o Feriado da Padroeira do Brasil, mas o comércia já cria grandes expectativas em Cabo Frio. Os lojistas aguardam grande movimento no feriado e esperam que o faturamento aumente em pelo menos 30% entre quinta e domingo. De acordo com a vendedora da Curare Atelier, Tatiana Alves, 29, a loja não tem sentido mais tanto os efeitos da crise.
– Espero que o movimento seja grande. Estou me preparando para isso. O último feriado, sete de Setembro, foi muito bom para a loja. Deu bastante turista aqui. Nesse ano, as vendas estão dando uma melhorada. A crise está passando – comenta a vendedora, que comemora a boa saída de vestidos e batas.
Na Brigadeira da Vovó, o feriado é aguardado como dia de melhoras nas vendas. A consultora Taísa Muniz, 34, espera que o bom desempenho em outros feriados se repita.
– Com certeza abriremos no feriado. Isso porque a cidade fica cheia e a Brigaderia da Vovó é sempre muito procurada. O movimento em todos os feriados do ano está muito bom. Esperamos, em média, para esse feriado 35% de aumento no faturamento – analisa.
O prolongamento do feriado também é visto com bons olhos.Para o vendedor do restaurante Minha Cozinha Gourmet, Pedro Mussumeci, 25, os turistas permanecerão na cidade pelo menos até o domingo.
A expectativa é de casa cheia. Qualquer feriado já ajuda bastante, mas um feriado prolongado é muito melhor. Isso porque as pessoas já vem na quinta e ficam até o domingo. Dependendo do dia em que um feriado cai, os turistas nem vêm para cá – comenta.
Há também quem não demonstre tanto otimismo. É o caso do vendedor da Top Teen, Paulo Santos, 25, que, mesmo assim, espera uma leve melhora na data.
– Muito provavelmente abriremos. Depende muito do fluxo de pessoas na semana do feriado. A gente aqui não cria muita expectativa, até porque os feriados não foram lá essas coisas nesse ano, mas acredito que haverá melhora. Projeto uns 30% de aumento nas vendas comparando com um fim de semana normal – prevê.