Assine Já
terça, 20 de abril de 2021
Região dos Lagos
26ºmax
19ºmin
Tropical
http://www.alerj.rj.gov.br/
TEMPO REAL Confirmados: 33864 Óbitos: 1256
Confirmados Óbitos
Araruama 8610 270
Armação dos Búzios 4107 54
Arraial do Cabo 1200 62
Cabo Frio 9174 447
Iguaba Grande 3308 82
São Pedro da Aldeia 4653 188
Saquarema 2812 153
Últimas notícias sobre a COVID-19
DURAÇÃO DE 90 DIAS

Começa obra para separar cobrança de energia elétrica de quiosques na Praça da Cidadania

Segundo Prefeitura, ação vai gerar uma economia de cerca de R$ 60 mil mensalmente aos cofres públicos

05 junho 2020 - 16h19Por Redação

A Prefeitura de Cabo Frio iniciou a obra da estrutura elétrica dos boxes da Praça da Cidadania. O trabalho vai permitir que as contas de energia dos 212 boxes sejam individualizadas e cada concessionário passe a arcar com os próprios gastos. O consumo estava sendo cobrado na conta de iluminação pública do município desde a inauguração da praça. O investimento é de aproximadamente R$ 259 mil e vai gerar uma economia de cerca de R$ 60 mil mensais aos cofres públicos.

“Apesar das dificuldades financeiras provocadas pela queda dos royalties e da arrecadação própria, essa obra é de suma importância para o município, pois visa a redução de um custo que era carregado pela prefeitura. O valor investido na obra será pago em menos de 5 meses com a economia mensal de cerca de R$60 mil, que serão deixados de ser pagos nas contas de energia do município”, explica Dario Guagliardi, presidente da Comsercaf.

A intervenção deve durar em torno de 90 dias. Durante esse período, será feita a expansão da estrutura que abriga os disjuntores, onde serão colocados novos relógios. Além disso, o transformador será realocado, nova distribuição de eletrodutos e cabos de energia, e um novo aterramento, já que grande parte dos cabos de cobre foi furtada.

“Em momento de crise financeira, como a que estamos passando, como bem falou o presidente da autarquia, com queda de arrecadação expressiva, a obra na Praça da Cidadania vem de encontro as necessidades urgentes de economia de recursos públicos. Agradeço aos concessionários pela parceria e entendimento pelo momento que passamos. Para se ter ideia, o custo anual de energia elétrica de todos os boxes em média é de R$ 720 mil”, declarou o prefeito Adriano Moreno.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.