Assine Já
quarta, 23 de junho de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
Alerj2
Alerj3
TEMPO REAL Confirmados: 43614 Óbitos: 1679
Confirmados Óbitos
Araruama 10812 339
Armação dos Búzios 5233 57
Arraial do Cabo 1501 83
Cabo Frio 11637 622
Iguaba Grande 4486 107
São Pedro da Aldeia 5916 260
Saquarema 4029 211
Últimas notícias sobre a COVID-19
colégio rui barbosa

Colégio Rui Barbosa abrirá seis turmas em 2017

Comunidade escolar temia que redução fosse ainda maior

31 março 2017 - 08h36
Colégio Rui Barbosa abrirá seis turmas em 2017

Após reunião de uma hora, na tarde de ontem, a secretária de Educação de Cabo Frio, Laura Barreto, decidiu abrir seis turmas de primeiro ano do Rui Barbosa no ano letivo de 2017, que começa no próximo dia 24. A decisão foi aceita pela direção e comunicada em plenária na escola, na noite de ontem. A tendência, portanto, é que os protestos não continuem.

Na última segunda-feira, o prefeito Marquinho Mendes (PMDB) anunciou que haveria redução de 35% no número de matriculas nas escolas de Ensino Médio que são municipalizadas. Com a redução, o Rui, que costumava abrir dez turmas por ano, abrirá seis em 2017.

A decisão foi encarada com alívio. A comunidade escolar temia que a Secretaria de Educação levasse em conta, na hora de fazer o cálculo, o ano letivo de 2016, quando o Rui Barbosa teve apenas oito turmas por conta das seguidas paralisações e greves, mas o número ainda ficou abaixo do esperado – a diretoria queria sete.

A diretora do Rui Barbosa, Márcia Marques, ficou satisfeita com a reunião. De acordo com ela, há a possibilidade do turno da noite passar para o dia no ano que vem.

– A reunião foi muito boa. Todas mantivemos a calma e chegamos a um consenso. Também concordamos que não deveria ser encerrado o turno da noite neste ano. Temos professores que se organizaram pensando em trabalhar neste turno. Mas vamos acenar com a possibilidade em 2018 – comenta.

Calendário – A secretária de Educação da cidade, Laura Barreto, disse que a reunião foi mais para entregar aos diretores escolares a versão escrita da proposta e acertar os passos seguintes para a conclusão do ano letivo de 2016 e a abertura do de 2017.

– A medida tomada pela Prefeitura já tinha sido discutida e alinhada no gabinete do prefeito, na segunda-feira. Hoje (ontem), a reunião foi para organizar. Amanhã (hoje) nós vamos finalizar o calendário a respeito das matrí- culas. O ano letivo de 2016 acaba em 20 de abril e o de 17 começa no dia 24. Temos que trabalhar para cumprir esses prazos – diz.