Assine Já
sexta, 22 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
28ºmax
21ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 21896 Óbitos: 720
Confirmados Óbitos
Araruama 5363 160
Armação dos Búzios 2875 30
Arraial do Cabo 651 33
Cabo Frio 5750 231
Iguaba Grande 1988 50
São Pedro da Aldeia 3048 106
Saquarema 2221 110
Últimas notícias sobre a COVID-19
BALANÇO

Cabo Frio registra 575 ocorrências por descumprimentos de decretos de combate à Covid-19

Equipes da Secretaria de Ordem Pública realizam operações constantes de fiscalização

14 maio 2020 - 20h59Por Redação

Cabo Frio possui 575 ocorrências, entre notificações e multas, por descumprimento de decretos municipais de combate à disseminação do novo coronavírus. As sanções são aplicadas desde o início das medidas de prevenção à covid-19 e as equipes da Secretaria de Ordem Pública realizam operações constantes de fiscalização.  
 
Somente nas duas primeiras semanas deste mês, foram 109 notificações e 26 multas por desobediência às regras de prevenção à pandemia. De acordo com o secretário de Ordem Pública, Leandro dos Santos Carvalho, os agentes orientam “os comércios considerados não-essenciais, no que se refere ao funcionamento irregular, e os comércios essenciais sobre as medidas a serem adotadas para segurança de todos”.
 
“Aqueles que reincidem no descumprimento das medidas restritivas estamos aplicando as penas pecuniárias. Considerando a complexidade do momento presente e a necessidade de evitar aglomerações temos intensificado a fiscalização. Mas é importante também a consciência coletiva dos cidadãos no que se refere a ficar em casa, pois sabemos que este não é apenas um problema de saúde pública, mas vai além, atingindo a esfera social e econômica”, explicou.
 
Conforme os decretos municipais, os estabelecimentos comerciais essenciais devem diminuir a lotação máxima para 30%, intensificar a higienização do local, disponibilizar álcool em gel 70% em todo recinto para o público e proibir o ingresso de clientes sem o uso de máscaras de proteção, que tem o uso obrigatório determinado pelo decreto 6.236, de 22 de abril.
 
Medidas preventivas

A fiscalização do comércio faz parte do grande pacote de medidas que o governo municipal adota desde 13 de março, quando foi instituído o primeiro decreto com ações de prevenção ao coronavírus. Desde então, diversas determinações foram feitas pela prefeitura, sempre amparadas pelas orientações das autoridades nacionais e internacionais de saúde, bem como pela evolução da pandemia.
 
As principais medidas dos decretos foram fechamento de comércio não essencial; proibição de freqüentar praias e lagunas, de realização de eventos diversos que promovam aglomeração de pessoas; criação de linha 0800 para esclarecimento de dúvidas sobre a covid-19; prorrogação de prazo para pagamento de taxas municipais; obrigatoriedade do uso de máscaras, entre outros.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.