Assine Já
sexta, 03 de abril de 2020
Região dos Lagos
31ºmax
22ºmin
ALÍVIO MOMENTÂNEO

Cabo Frio recebe R$ 13,1 milhões de royalties em março

Repasse ainda não reflete período de pandemia do coronavírus

26 março 2020 - 11h28Por Rodrigo Branco

Cabo Frio acaba de receber R$ 13,1 milhões, referentes ao repasse de março referente aos royalties do petróleo. O valor é 3% maior que o recebido em fevereiro, quando o município teve direito a R$ 12,7 milhões. Os valores ainda não refletem a crise no setor por causa da pandemia do novo coronavírus, uma vez que o valor apurado pela Agência Nacional de Petróleo (ANP) é sempre referente à produção e o preço de mercado de dois meses antes, quando o surto ainda não era uma realidade no Brasil. 

No total, contando as cotas mensais e a participação especial (parcela trimestral, que foi paga em fevereiro), Cabo Frio já embolsou em torno de R$ 40,6 milhões. Ainda assim, um valor menor que o arrecadado no mesmo período do ano passado, quando após o primeiro trimestre, o município recebeu em torno de R$ 47 milhões (15,7% a mais)

A entrada dos recursos é um alívio, ainda que momentâneo, para o caixa da Prefeitura, exatamente por causa do cenário de incerteza econômica a partir da epidemia de Covid-19. Nesta quarta-feira (25), o valor do barril de petróleo do tipo Brent (comercializado na Bolsa de Londres e que serve como referência nas transações internacionais) ficou em 31 dólares. 

O mesmo raciocínio vale para os municípios vizinhos. Arraial do Cabo, por exemplo, recebeu em março o valor de R$ 7,1 milhões; montante 18% maior que os R$ 6 milhões recebidos no mesmo mês do ano passado. A diferença está no reenquadramento do município em função da exploração dos campos do pré-sal. No primeiro trimestre de 2020, o município cabista teve direito a aproximadamente R$ 23 milhões, contando as cotas mensais e a participação especial. No mesmo período do ano passado, o valor recebido foi de R$ 15,5 milhões (aumento de 48% de um ano para o outro).

No caso de Búzios, entraram nos cofres, este ano, a quantia de R$ 19,8 milhões. Por sua vez, no primeiro trimestre do ano passado, o balneário amealhou em torno de R$ 19, 4 milhões. Um aumento de cerca de 2% de um ano para o outro. 

Em meio a um cenário de hostilidade econômica, a ANP prevê que Cabo Frio receba ao fim do ano em torno de R$ 117 milhões, tendo como base o dólar a R$ 4,44 e o barril Brent a 43 dólares. Nas mesmas condições, Arraial do Cabo deve arrecadar cerca de R$ 67 milhões e Búzios, R$ 62 milhões. Porém, a perspectiva de uma recessão mundial em função da pandemia leva o mercado brasileiro e a entrada dos royalties a um cenário de incerteza.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa. Ligue já ou envie mensagem pelo WhatsApp: (22) 99933-2196.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.