Assine Já
sexta, 29 de maio de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
15ºmin
TEMPO REAL Suspeitos: 1012 Confirmados: 1003 Óbitos: 89
Suspeitos: 1012 Confirmados: 1003 Óbitos: 89
Suspeitos:
Confirmados:
Óbitos:
Suspeitos Confirmados Óbitos
Araruama 48 268 26
Armação dos Búzios 415 65 1
Arraial do Cabo 6 35 5
Cabo Frio 497 279 21
Iguaba Grande 17 83 12
São Pedro da Aldeia 16 103 8
Saquarema 13 170 16
Últimas notícias sobre a COVID-19
NESTA SEXTA

Cabo Frio finaliza retirada de embarcação encalhada na Praia do Forte

Barco encalhou em 31 de dezembro de 2019

23 maio 2020 - 09h25Por Redação

A Prefeitura de Cabo Frio finalizou nesta sexta-feira (22) a retirada do que sobrou da embarcação Bracuhy, que encalhou com 80 passageiros na Praia do Forte no dia 31 de dezembro de 2019, após um acidente com a escuna Aloha III.

A remoção dos destroços foi realizada após recomendação do Ministério Público Federal, que irá formalizar um expediente para que o proprietário da embarcação seja responsabilizado por eventual dano.

A ação foi realizada por funcionários da Comsercaf, em parceria com a Guarda Marítima Ambiental, com o auxílio de um trator e uma retroescavadeira.

Segundo a Prefeitura, a medida visava evitar o risco de acidentes, pois a localidade estava repleta de objetos cortantes submersos.

No início deste ano, os destroços do Aloha foram retirados por uma equipe da Comsercaf composta por 15 pessoas, que utilizaram equipamentos como pá mecânica, retroescavadeira e três caminhões. Na ocasião do acidente, o Corpo dos Bombeiros relatou que devido a problemas no motor o condutor perdeu o controle da escuna por conta da maré. Na época ninguém ficou gravemente ferido e três pessoas tiveram ferimentos leves.

Por ocasião do encalhe, a Guarda Marítima Ambiental notificou o dono da escuna e suspendeu as atividades da empresa no município. A Secretaria de Turismo aguarda o laudo da Capitania dos Portos para avaliar sobre a continuidade ou não da concessão da empresa para operar em Cabo Frio.

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa. Ligue já ou envie mensagem pelo WhatsApp: (22) 99933-2196.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.