Assine Já
quarta, 20 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
29ºmax
22ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 21341 Óbitos: 711
Confirmados Óbitos
Araruama 5363 160
Armação dos Búzios 2875 30
Arraial do Cabo 651 33
Cabo Frio 5750 231
Iguaba Grande 1988 50
São Pedro da Aldeia 3048 106
Saquarema 1666 101
Últimas notícias sobre a COVID-19
Região

Cabo Frio e cidades vizinhas participam de debate sobre o transporte intermunicipal

Região dos Lagos recebe nova rodada de discussões

18 novembro 2015 - 09h28

Com o objetivo de renovar o modelo de transporte intermuni­cipal do Rio de Janeiro, a série de audiências públicas promo­vidas pelo estado passou pela Região dos Lagos, na última segunda-feira (16). Cerca de cem pessoas discuti­ram questões como passe livre dos estudantes, gratuidade dos idosos, questões da elaboração do edital, indicadores de qua­lidade, impactos do transporte alternativo no sistema de ônibus e qualidade do serviço prestado atualmente. As audiências roda­rão por outras regiões até apro­vação do documento final.

Sobre as tarifas, o presidente do Detro, Carlos Luiz Martins, afirmou que vai manter a atual estrutura de um reajuste anual, com data base em janeiro.

– A reorganização de todo o sistema de ônibus intermunici­pal é um fato inédito. A licitação tornará o cenário transparente em todos os níveis: da aplicação das tarifas aos índices de qualidade – ressaltou.

Durante o evento, foi apre­sentado ainda o projeto com os parâmetros para a licitação e as exigências que terão de ser cum­pridas pelas empresas candida­tas a participar do consórcio, a população local foi informada sobre o novo Serviço de Inteli­gência e Monitoramento (SIM) do Detro, além dos canais de comunicação do órgão com os passageiros, como Whatsapp Fale Detro (21 - 9856-8545) e e aplicativo Fiscal de Bolso.

Esta foi a oitava audiência de um total de 12 que serão realiza­das por todas as regiões do es­tado. Os eventos são o primeiro passo do processo que contrata­rá operadores para atuarem no sistema de transporte coletivo público por ônibus no Estado do Rio de Janeiro. O projeto prevê a licitação para empresas ou con­sórcios por 20 anos e maior in­tegração com os demais modais, racionalizando os trajetos e me­lhorando o serviço aos usuários. A universalização do ar-condi­cionado na frota e a implantação de indicadores de qualidade que serão aferidos e acompanhados em tempo real, são algumas das melhorias previstas no edital.

 

*Leia a matéria completa na edição impressa desta quarta-feira (18)