Assine Já
domingo, 11 de abril de 2021
Região dos Lagos
30ºmax
19ºmin
Alerj
Alerj REC
TEMPO REAL Confirmados: 32434 Óbitos: 1183
Confirmados Óbitos
Araruama 8059 252
Armação dos Búzios 4018 49
Arraial do Cabo 1143 56
Cabo Frio 8778 419
Iguaba Grande 3162 76
São Pedro da Aldeia 4462 178
Saquarema 2812 153
Últimas notícias sobre a COVID-19
TURISMO

Cabo Frio confirma queima de fogos para o Réveillon

Após veto na festa de aniversário, prefeitura acerta detalhes com MP e Bombeiros

09 dezembro 2019 - 20h31Por Redação

A Prefeitura de Cabo Frio trata de se precaver para evitar que aconteça no Réveillon o mesmo erro que impediu a realização do show do cantor Diogo Nogueira, no data do aniversário da cidade, há quase um mês. O prefeito Adriano Moreno (DEM) e diversos secretários reuniram-se ontem com o promotor do Ministério Público Vinícius Lameiro; o comandante do quartel dos Bombeiros de Cabo Frio (18º GBM), tenente-coronel José Carlos Fernandes Torres e o subcomandante da Polícia Militar, tenente-coronel Marcelo Arêdes, para tratar da festa da passagem de ano na Praia do Forte, incluindo a tradicional queima de fogos, que terá novamente o Forte São Matheus como base. 

De acordo com o planejamento do governo municipal, a Brigada de Incêndio e a Guarda Marítima estarão a postos durante o evento. Diferentemente do que ocorreu nos festejos de aniversário, quando a Superintendência de Eventos deu entrada no pedido de ‘nada a opor’ nos Bombeiros na véspera do show, desta vez a prefeitura anunciou que todas as documentações necessárias para a realização da festa já estão protocoladas. No que depender do MP, ao que tudo indica, não haverá obstáculos que impeçam a festa desta vez.

– A reunião de hoje é uma ação que o Ministério Público realiza anualmente para saber se as medidas de ordenamento da cidade durante o aumento populacional estão sendo tomadas. Observei as apresentações de todas as pastas da Prefeitura relacionadas à organização do espaço urbano. A visão do Ministério Público é que as ações de planejamento estão sendo tomadas. Foi importante também para que tivéssemos contato com os secretários e em qualquer eventualidade ter contato direto com os representantes do município. Pude observar ainda que já foram feitos os pedidos de autorização junto ao Corpo de Bombeiro e a Polícia Militar. A reunião de hoje deixa o Ministério Público tranquilo quanto à existência do planejamento dos órgãos de segurança publica para o período – disse o promotor Vinícius Lameira.

Além do espetáculo pirotécnico, está confirmado o show que, este ano, terá uma novidade. Em função da faixa de areia reduzida, o palco será montado na Avenida Hilton Massa. Segundo a prefeitura, o esquema de segurança terá 11 torres de vigilância montadas ao longo da orla e atuação conjunta da Secretaria de Ordem Pública, da Guarda Municipal e da Polícia Militar, com equipes próximas às áreas de maior movimentação.

 Haverá esquema especial de ordenamento do trânsito e fechamento das vias de acesso da orla da Praia do Forte, nas horas que antecedem a virada do ano. Quatro postos médicos serão instalados para os casos de emergência. Para a limpeza pública, a Comsercaf vai destinar 150 funcionários para trabalhar no local  a partir das 4h da madrugada do primeiro dia do ano.
– Com a essa parceria e alinhamento das secretarias e instituições teremos o Ano Novo e a alta temporada com segurança e qualidade para moradores e turistas – declarou Adriano.

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.

Leia Também

Geral
Índice de confiança dos pequenos negócios atinge patamar da recessão de 2014, apontam Sebrae e FGV
Sondagem mensal realizada pelo Sebrae e pela FGV detecta que recrudescimento da pandemia e interrupção temporária do auxílio emergencial contribuíram para esse resultado
Carlos Minc, sobre Dunas do Peró: "Não pode haver incompatibilidade entre Turismo e preservação"
DIÁLOGO
Carlos Minc, sobre Dunas do Peró: "Não pode haver incompatibilidade entre Turismo e preservação"
Risco Covid: Baixada Litorânea sai da bandeira roxa (risco muito alto) para vermelha (risco alto)
Coronavírus
Risco Covid: Baixada Litorânea sai da bandeira roxa (risco muito alto) para vermelha (risco alto)
Pandemia: 80% dos profissionais da linha de frente tiveram problema de saúde mental no último ano
Coronavírus
Pandemia: 80% dos profissionais da linha de frente tiveram problema de saúde mental no último ano