Assine Já
sábado, 16 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
29ºmax
22ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
lixo

Buraco do Boi é cercado por lixo, mas Prefeitura recolhe imediatamente

Moradores denunciaram pilhas de resíduos nas duas entradas da comunidade

14 janeiro 2017 - 12h14Por Gabriel Tinoco
Buraco do Boi é cercado por lixo, mas Prefeitura recolhe imediatamente

Os moradores da comunidade Buraco do Boi, próxima à Praia do Forte, estão definitivamente cercados pelo lixo. Uma delas bloqueou a passagem na Rua Antônio Feliciano de Almeida, que dá acesso direto à praia. Para piorar a situação, os resíduos se aliam ao esgoto entupido e provocam um cheiro insuportável no local.

No meio da tarde, o lixo já havia sido retirado, mas caçambas não foram instaladas. A reportagem esteve no local no início da tarde de ontem e verificou as pessoas tendo que desviar do lixo e os carros precisando fazer o retorno. Os moradores reivindicam mais caçambas desde a troca do governo. A vendedora de milho Eliane Alves, 57, alerta para os riscos de doenças.

 – Tem muito perigo desde que o outro prefeito saiu, ficou isso aí. É arriscado para os moradores pegarem doenças. Além disso, os turistas acham muito ruim. Sem contar que há uma mosquitada e um monte de gente tem ficado doente por aqui. Uma caçamba para esse bairro inteiro não dá – comenta.

Segundo a vendedora de lixo, Tânia Gomes, 50, a rua virou a lata de lixo do bairro inteiro, mas apenas os moradores da comunidade levam a fama.

– Estamos levando fama de porcos. Os prédios também jogam lixo no meio da rua e nós que levamos a fama. Precisa de mais caçambas para o bairro. Há também quem sinta vergonha pela pilha de lixo próximo ao principal ponto turístico da cidade.

O auxiliar de limpeza, Joacir Souza, 56, vê turistas descontentes com a sujeira.

– Está virando uma bagunça. O lixo atrapalha a passagem dos carros. É uma vergonha para Cabo Frio. Quem veio visitar a cidade, vê essa lixarada bem perto da praia. Temos uma praia bonita, mas não adianta nada – critica.

Já a ambulante Fabiana da Silva, 32, classifica a falta de limpeza como “um horror”.

– Esse cenário está um horror. Tem rato, barata, esgoto entupido... Há um enorme risco de doenças aqui na comunidade. Daqui a pouco, se continuar assim, os ratos estarão entrando na casa da gente – finaliza.

Confira resposta da Prefeitura: “As equipes de limpeza pública estão trabalhando para retirar o lixo das ruas. A Prefeitura lembra que desde o início da nova gestão, há 13 dias, essas operações vem sendo realizadas com o objetivo de retirar o lixo acumulado desde o ano passado. Pela grande quantidade de lixo acumulado, as operações vêm passando gradativamente por todos os bairros, mas ainda não houve tempo suficiente para que todos fossem atendidos. Já a Secretaria de Obras está com equipes realizando a desobstrução de redes de drenagem, que também foram encontradas pela nova gestão com muita sujeira acumulada, o que está prejudicando o escoamento das águas da chuva”.