Assine Já
segunda, 18 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
30ºmax
21ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
boteco e chorinho

Boteco e Chorinho: ingressos já estão à venda

Festa da Folha promete antecipar a folia com o melhor de samba e chorinho

19 janeiro 2016 - 09h51

Os ingressos para a tradicional Boteco & Chorinho, que acontece às 21h do dia 27 deste mês, no salão nobre do Tamoyo Esporte Clube, já estão te esperando na sede da Folha: Rua Nossa Senhora Aparecida, 300, no Parque Central – duas ruas atrás da delegacia. A entrada, que dá direito a farto bufê, música boa e cerveja, refrigerante e água liberados, custa R$ 50. Para assinante, o preço é R$ 40, mas há limite de dois bilhetes por pessoa.

Sendo realizada dez dias antes do Carnaval, a Boteco & Chorinho vai servir como aquecimento para a folia. Para isso, o maestro Jessé Menezes promete levar o ritmo da Festa do Momo ao Tamoyo, tocando, além do chorinho, o melhor do Carnaval.

– As pessoas podem esperar do show muita diversão, músicas dançantes, canções de primeira linha de todos os ritmos. Como a festa acontecerá próxima ao Carnaval, apresentaremos músicas carnavalescas. Além de, é claro, chorinho, música popular brasileira, samba, fox, canções dos anos 60 e 70 – revelou Jessé.

O maestro levará à festa um timaço. Ele conta com nomes como Rodrigo Revelles, que se apresentou ao lado de feras da música popular brasileira como Dona Ivone Lara, Pery Ribeiro, Jorge Aragão e Almir Guineto. O violonista Alvinho, irmão do também maestro Budega, acompanhou por muitos anos Alcione.

Para acompanhar a boa música, o melhor cardápio da comida de boteco: jiló frito e cozido, quiabo com carne-seca, ovo colorido, batata frita, pastéis, queijos, moela, bucho com batata, pernil e outros pratos especialmente preparados para a festa. Além disso, as comidas serão acompanhadas por cerveja, refrigerante e água à vontade.

A reedição do Boteco & Chorinho comemora os 26 anos da Folha. O evento volta ao circuito anual após o sucesso das últimas edições – em janeiro e em março do ano passado, ambas com ingressos esgotados. Desta vez, 300 entradas estão à venda para lotar o salão nobre de um dos clubes mais tradicionais da cidade.