Assine Já
domingo, 31 de maio de 2020
Região dos Lagos
25ºmax
13ºmin
TEMPO REAL Suspeitos: 1025 Confirmados: 1105 Óbitos: 92
Suspeitos: 1025 Confirmados: 1105 Óbitos: 92
Suspeitos:
Confirmados:
Óbitos:
Suspeitos Confirmados Óbitos
Araruama 48 268 26
Armação dos Búzios 415 99 1
Arraial do Cabo 6 35 5
Cabo Frio 510 340 23
Iguaba Grande 15 89 13
São Pedro da Aldeia 16 103 8
Saquarema 15 171 16
Últimas notícias sobre a COVID-19
turista

Bombeiros encerram buscas a turista norte-americano que se afogou em Arraial do Cabo

Operação durou duas semanas e contou com auxílio de helicóptero

05 julho 2014 - 16h09Por Nicia Carvalho
Bombeiros encerram buscas a turista norte-americano que se afogou em Arraial do Cabo

O comandante do 18° Grupamento de Bombeiros Militar (GBM), tenente-coronel Leonardo Couri, disse que as buscas pelo corpo do turista norte-americano Richard Fu, 20, foram encerradas nesta sexta-feira. As tentativas de encontrar o corpo do rapaz duraram cerca de quinze dias. Um helicóptero foi utilizado na última semana de buscas.  O jovem sumiu no mar da Praia Grande, em Arraial do Cabo, após se afogar no sábado (21). Hu estava acompanhado de outras duas amigas, também dos Estados Unidos.

- Vamos ficar de sobreaviso no quartel caso surja alguma informação mais precisa que ajude nas buscas - contou Couri.

Segundo o comandante, o helicóptero foi usado esta semana porque, após sete dias na água, as chances de o corpo flutuar são maiores.

- Com uma visão de cima e mais ampla, proporcionada pela busca aérea, aumentariam nossas chances de avistar o corpo. Mas não encontramos nada - explicou, acrescentando que as buscas foram estendidas um pouco mais devido ao pedido dos pais do americano, que vieram ao Brasil para acompanhar a operação.

O tenente disse ainda que na última quinta-feira (3) a corporação chegou a receber alerta de um pescador que teria visto um corpo, mas foi alarme falso.

Os salva-vidas conseguiram resgatar as duas amigas do jovem.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o afogamento pode ter acontecido porque os turistas americanos parecem ter ignorado as bandeiras vermelhas que indicavam perigo, indicando que a área era imprópria para o banho.