Assine Já
sábado, 25 de setembro de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
17ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 51256 Óbitos: 2089
Confirmados Óbitos
Araruama 12211 437
Armação dos Búzios 6305 64
Arraial do Cabo 1689 90
Cabo Frio 14244 839
Iguaba Grande 5384 138
São Pedro da Aldeia 6892 286
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
Cabo Frio

Bike Night Cabo Frio prepara programação para Dia Mundial Sem Carros

Importância do uso de bicicletas será promovida pelo grupo

21 setembro 2015 - 13h37

O Dia Mundial Sem Carros, comemorado nesta terça-feira (22), é uma data que serve para lembrar sobre a dependência do carro e da possibilidade de viver sem automóvel. Para trazer essa conscientização para a Região dos Lagos, o Bike Night Cabo Frio vai realizar uma série de trabalhos para informar aos ciclistas e aos motoristas a importância de respeitar o uso das bicicleta nas ruas. Além disso, procuram promover a ideia de que menos carros nas vias aumentam a qualidade do trânsito e da vida.

    

Para o ciclista Daniel Ribeiro, a importância da data vai além das questões de trânsito. Para ele, o uso excessivo de automóveis é um dos principais fatores para o sedentarismo e para o aumento dos problemas ambientais.

– Utilizo bicicleta e, para mim, todo dia é dia sem carro. Essa data serve para mostrar sobre a dependência do carro e o seu malefício à saúde. Além de ser um dos principais fatores do aumento do sedentarismo mundial, prejudica a mobilidade urbana e ainda é um meio de locomoção poluidor, que prejudica não só a quem utiliza, mas como toda a população – afirma Daniel.

A programação do Bike Night começa logo pela manhã, às 6h, com panfletagem e conscientização dos ciclistas a respeito do código brasileiro de trânsito. Às 11h, o grupo vai fazer um debate em uma rádio local. A panfletagem vai prosseguir às 11h45m, mas, desta vez, vai mostrar aos motoristas, na Avenida Julia Kubitschek, o código brasileiro de trânsito. Para fechar a programação, às 19h, o grupo vai estar em Búzios com um passeio ciclístico em comemoração ao Dia Mundial Sem Carros e a lembrança da luta pela ciclovia do pórtico ao centro.