Assine Já
quarta, 30 de setembro de 2020
Região dos Lagos
28ºmax
19ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 8402 Óbitos: 437
Confirmados Óbitos
Araruama 1657 103
Armação dos Búzios 500 10
Arraial do Cabo 252 15
Cabo Frio 2765 149
Iguaba Grande 695 37
São Pedro da Aldeia 1353 54
Saquarema 1180 69
Últimas notícias sobre a COVID-19
bancos

Na manhã desta quinta-feira (24), bancários promovem ato no centro de Cabo Frio

Categoria protesta por reajuste salarial, mas descarta greve para a próxima semana

24 setembro 2015 - 12h07
Na manhã desta quinta-feira (24), bancários promovem ato no centro de Cabo Frio

O Sindicato dos Bancários de Niterói e Regiões promove no início da tarde desta quinta-feira (24) um ato em frente a agências bancárias ao longo da Avenida Assunção, no centro de Cabo Frio. Com a presença de atores, caracterizados como patrão e trabalhadores rurais, esses "acorrentados" e segurando sacolas de dinheiro com o valor do lucro estimado dos bancos no primeiro semestre,  e de uma banda de música, a manifestação chamou a atenção de quem passava por uma das vias mais movimentadas na cidade. Entre outras reivindicações, a categoria pede reajuste salarial de 16% (reposição da inflação mais aumento real de 5,7%), além de melhorias no valor do tíquete-alimentação, na parrticipação nos lucros e no plano de saúde.

Uma última rodada de negociação com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) acontece nesta sexta-feira (25), mas segundo o presidente do sindicato, Suez Santiago, está descartada a possibildade de greve na próxima semana, ao contrário de rumores espalhados nos últimos dias. O sindicalista afirma quee a paralisação, se decidida em assembleia na próxima quarta-feira (30), sserá apenas no início de outubro, após o pagamento dos aposentados.

– Queremos um salário mais justo para a categoria. Nessas sacolas está o valor do lucro ddos prrincipais bancos apenas nos seis primeiros meses do ano. Não queremos prejudicar a população, queremos sim é a melhoria dos serviços prestados a ela – afirmou Suez. 

(*) Leia matéria completa na edição da Folha dos Lagos desta sexta-feira.