Assine Já
domingo, 24 de outubro de 2021
Região dos Lagos
27ºmax
18ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52262 Óbitos: 2141
Confirmados Óbitos
Araruama 12321 438
Armação dos Búzios 6516 72
Arraial do Cabo 1720 92
Cabo Frio 14721 876
Iguaba Grande 5469 140
São Pedro da Aldeia 6984 288
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
EDUCAÇÃO

Aulas na rede pública de Cabo Frio podem retornar no sistema híbrido na primeira quinzena de agosto

Secretaria de Educação estuda volta no esquema de rodízio em 30% das unidades escolares

18 julho 2021 - 15h00Por Redação

As aulas na rede pública municipal de Cabo Frio podem voltar no formato híbrido até a primeira quinzena de agosto. O assrunto foi debatido em reunião da secretária de Educação, Elicéa da Silveira, na sexta-feira (16), com os vereadores que compõem a comissão especial de educação da Câmara Municipal. Na pauta, também estavam as visitas técnicas nas unidades e o processo seletivo. Estavam presentes os vereadores Alexandra Codeço (Republicanos), Josias da Swell (PL), Rodolfo Machado (Solidariedade) e Vinícius Corrêa (PP). 

Em relação ao retorno híbrido das atividades, a secretária apontou que as tratativas entre a Secretaria de Educação, Ministério Público e Sepe Lagos avançam, e que a expectativa é de que a rede retome as atividades, no formato híbrido e em esquema de rodízio, em 30% das unidades escolares, até a primeira quinzena de agosto. 

Sobre as visitas técnicas nas escolas com condições de receber os alunos para este retorno híbrido, a secretária explicou que foram encerradas nesta terça-feira (13), e foram acompanhadas pelo Sindicato da categoria. Uma nova etapa terá início nas próximas semanas para verificar a situação das demais unidades e dar andamento nos reparos. 

Por fim, em relação ao processo seletivo simplificado para formação de cadastro de reserva, Elicéa informou que um edital de convocação está sendo preparado pela equipe de Recursos Humanos e será divulgado nos canais oficiais da Prefeitura, juntamente com o cronograma de apresentação de documentos. 

Na ocasião, Elicéa respondeu os questionamentos e reforçou que está à disposição da Câmara para tratar de assuntos que sejam de interesse público. 

“A Secretaria de Educação vai responder sempre a todos os ofícios que forem encaminhados pela Câmara. Sigo o artigo número 37 da Constituição, que trata dos princípios básicos do serviço público, legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência. A minha equipe trabalha para que as demandas sejam sempre respondidas com a maior eficiência, para garantir transparência dos atos da Secretaria”, comentou.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.