Assine Já
domingo, 17 de outubro de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52181 Óbitos: 2123
Confirmados Óbitos
Araruama 12321 438
Armação dos Búzios 6500 72
Arraial do Cabo 1720 92
Cabo Frio 14677 858
Iguaba Grande 5464 140
São Pedro da Aldeia 6968 288
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
COLHEITA DE BONS FRUTOS

Asaerla e Árvore do Bem firmam parceria para recolher cestas básicas durante a pandemia

Projeto social se associa a outras entidades para minimizar sofrimento da população em vulnerabilidade

27 abril 2021 - 09h25Por Redação

Face cruel da pandemia de Covid-19, a crise social chegou com força na região, seja nas periferias ou na zona rural. Na falta de uma ação mais efetiva do poder público em todas as instâncias, a sociedade civil se mobiliza para minimizar o sofrimento da população em condição de maior vulnerabilidade. Foi dessa forma que surgiu recentemente uma parceria entre a Associação de Engenheiros e Arquitetos da Região dos Lagos (Asaerla) e o projeto social Árvore do Bem para a captação e distribuição de cestas básicas.

O presidente da Asaerla, Fernando Frauches, explica que a ideia de fazer algo para ajudar surgiu de uma conversa entre os profissionais em um grupo de WhatsApp, impressionados com a quantidade de pessoas que pedem comida nas ruas de Cabo Frio. A partir da disposição em colaborar, restava saber como colocar a ideia em prática.  

– Falei que comprava a ideia, mas para a gente, como associação não tem como entregar 50, 100 cestas básicas no local, iria tumultuar. Pessoas que não precisam da cesta iam acabar recebendo. Resolvemos então buscar pessoas que já fazem esse tipo de ação assistencial e o meu trabalho vai ser só a captação junto às construtoras; aos engenheiros e arquitetos associados e aos fornecedores. A gente entrega isso na Árvore do Bem e lá ele faz o direcionamento porque tem a expertise – explica Frauches.

A parceria com a Asaerla é mais um bom fruto gerado pela Árvore, em benefício dos que estão mais necessitados na pandemia. O projeto se uniu a outras empreitadas sociais, como o Cabo Frio Solidária, e a estabelecimentos comerciais, como o Shopping Park Lagos. A Árvore do Bem também é um dos organizadores do primeiro Fórum do Terceiro Setor, em 15 de maio, com o objetivo de mapear os projetos sociais e ampliar a abrangência das ações.

O responsável pela Árvore, o empresário Matheus Mônica, explicou para a Folha que parcerias como a que foi feita com a entidade de engenheiros e arquitetos podem estimular outras pessoas a reforçar a ‘corrente do bem’.

–Alguém pode ler essa matéria e se interessar em fazer algo parecido. Tem outras instituições que podem contribuir. É um momento das pessoas se unirem para tentar minimizar um pouquinho esse problema que a gente está enfrentando na sociedade – acredita Matheus. 

Os interessados em ajudar, sejam profissionais de Engenharia e Arquitetura ou não, podem entrar em contato com a Árvore do Bem pelo telefone (22) 97402-6786.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.