Assine Já
domingo, 28 de novembro de 2021
Região dos Lagos
28ºmax
20ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 53350 Óbitos: 2180
Confirmados Óbitos
Araruama 12493 447
Armação dos Búzios 6571 73
Arraial do Cabo 1754 93
Cabo Frio 15299 896
Iguaba Grande 5549 146
São Pedro da Aldeia 7043 290
Saquarema 4641 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
BANDEIRA LARANJA

Araruama define plano de reabertura gradual da economia

Município montou comitê do Plano de Retomada para discussão das medidas

07 julho 2020 - 21h04Por Redação

A Prefeitura de Araruama acaba de divulgar o plano municipal de retomada gradual da economia. De acordo com a Prefeitura, o projeto foi elaborado com base em estudos científicos na área de Saúde. A discussão das medidas foi feito por um recém-montado comitê do Plano de Retomada e de outros setores do governo municipal, como a Secretaria de Saúde e o próprio gabinete da prefeita Lívia Bello (PP). O plano também teve que passar pela avaliação do Ministério Público.

Assim como em municípios vizinhos, o município estabeleceu um sistema de bandeiras para determinar quais medidas entrarão em vigor. O principal critério para a adoção das bandeiras é o número de leitos gerais e de UPG ocupados. No momento, o município se encontra sob bandeira laranja, que significa estar com até 70% de ocupação dos leitos gerais e de UPG. Há ainda as bandeiras amarela (até 30% de ocupação de leitos gerais e de UPG) e vermelha (até 80% de ocupação dos leitos UPG e de 90% dos leitos gerais).

Segundo os critérios divulgados pela Prefeitura, na bandeira laranja, o isolamento social deve ser mantido em parte, mas o uso das máscaras de proteção é obrigatório. As aglomerações estão proibidas. Além dos estabelecimentos comerciais que já estavam autorizados a funcionar, como supermercados e farmácias, fica permitida a abertura de lojas de roupas e calçados, de higiene pessoal, venda de automóveis, utilidades diversas e centros de estética, desde com restrições e medidas de segurança.

Os cultos religiosos estão permitidos, mas com restrições. Festas e reuniões continuam proibidas, assim como o funcionamento de academias, clubes, teatros, bares e shopping, com exceção dos comércios autorizados a funcionar. Também não é permitido frequentar, praças, praias, piscinas públicas e lagoas. As aulas nas redes pública e privada seguem suspensas. Por fim, as barreiras sanitárias foram retiradas.

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.