Assine Já
quarta, 23 de junho de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
Alerj2
Alerj3
TEMPO REAL Confirmados: 43614 Óbitos: 1679
Confirmados Óbitos
Araruama 10812 339
Armação dos Búzios 5233 57
Arraial do Cabo 1501 83
Cabo Frio 11637 622
Iguaba Grande 4486 107
São Pedro da Aldeia 5916 260
Saquarema 4029 211
Últimas notícias sobre a COVID-19
Aquiles Barreto

Aquiles Barreto é eleito presidente da Câmara pelos próximos dois anos

Jefferson Vidal (PSC) será o vice e Luis Geraldo (PRB) o primeiro secretário

01 janeiro 2017 - 12h55Por Redação I foto: Evandro Mureb
Aquiles Barreto é eleito presidente da Câmara pelos próximos dois anos

Deu a lógica. Com 13 dos 17 votos possíveis, o vereador Aquiles Barreto, do Solidariedade, foi eleito neste domingo (1°) presidente da Câmara de Cabo Frio pelos próximos dois anos. Para ser eleito, ele derrotou as candidaturas do estreante Rafael Peçanha (PDT) e de Vanderlei Bento (PMB), que obriveram, cada um, dois votos. Também vão compor a Mesa Diretora os vereadores Jefferson Vidal (PSC), como vice-presidente; Luis Geraldo (PRB), como primeiro secretário e Alexandra Codeço (PRB), como segunda secretária.

A eleição de Aquiles, que é afilhado político do prefeito Marquinho Mendes (PMDB), tornou-se uma barbada depois que Jefferson e Luis Geraldo, que também postulavam o cargo, retiraram as candidaturas em nome da união da base governista. Segundo informações de bastidores, foi selado um acordo para que Aquiles chefie o Legislativo cabofriense nos dois primeiros anos e Luis Geraldo, nos dois últimos, mas os envolvidos negam. De toda forma, Aquiles já se comprometeu a derrubar do Regimento Interno o artigo que permite a reeleição por mais de um biênio, criado em 2014 para permitir que Marcello Corrêa (PP) ficasse à frente da Câmara nos últimos quatro anos. Embora o discurso seja de independência entre os poderes, o resultado fortalece Marquinho na Câmara para que ele consiga a aprovação das mensagens do interesse do governo.

Além dos membros da Mesa, voraram com Aquiles os vereadores Adeir Novaes (PRB), Edilan do Celular (PRP), Rodolfo Machado (SD), Ricardo Martins (SD), Guilherme Moreira (PPS), Miguel Alencar (PPS), Letícia Jotta (PSC), Vaguinho (PPS) e Blau Blau (PSC). Peçanha teve além do próprio voto o de Oséias de Tamoios, também do PDT e Vanderlei teve a adesão solitária de VinÍcius Corrêa (PP).