Assine Já
domingo, 24 de outubro de 2021
Região dos Lagos
27ºmax
18ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52262 Óbitos: 2141
Confirmados Óbitos
Araruama 12321 438
Armação dos Búzios 6516 72
Arraial do Cabo 1720 92
Cabo Frio 14721 876
Iguaba Grande 5469 140
São Pedro da Aldeia 6984 288
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
RIO

Aplicativo de geolocalização que ajuda a reunir grupos sociais promete agitar o verão 2020

Ao todo, já são cerca de 15 mil usuários cadastrados

05 dezembro 2019 - 14h59Por Redação
Aplicativo de geolocalização que ajuda a reunir grupos sociais promete agitar o verão 2020

Imagine descobrir o ponto mais balado da praia ou um barzinho com os hits do momento? Também é possível dividir essa descoberta com os amigos e ainda ajudar a atrair mais pessoas. Isso já é possível através do aplicativo Orbis. Amante da cartografia e profissional da tecnologia da informação, Felipe Pires teve a ideia de criar a ferramenta virtual que pudesse mapear as tribos urbanas das cidades.

- O Orbis nasceu com a proposta de mapear pontos de encontros de diferentes tribos urbanas, além de promover a interação e integração dos mais diferentes segmentos. Portanto, é uma rede social para se encontrar no mundo real – descreve Felipe, acrescentando que a inspiração para o nome do projeto veio do primeiro atlas mundial, em 157º, confeccionado por Ortelius (1527-1598), o "Theatrum Orbis Terrarum".

O aplicativo, disponível para os sistemas operacionais Android e iOS, é voltado para diversos públicos. De maneira fácil e intuitiva, o usuário tem a possibilidade de explorar várias localidades. Felipe explica como o ‘Orbis’ funciona.

- Após fazer o registro, o usuário pode optar por criar um grupo ou participar de um já existente. A partir daí, é possível fazer um check-in e “conquistar” o território para o seu grupo. Quanto maior o número de check-ins, maior um círculo com o símbolo do grupo aparecerá no mapa. Caso um local fique muito tempo sem check-in, esse círculo diminuirá até desaparecer – detalhou o idealizador do app, que conta que é possível, além de fazer check-ins, postar fotos, vídeos e textos.

Ao todo, já são cerca de 15 mil usuários cadastrados – 80% são brasileiros e os outros 20% são de diversas nacionalidades. Atualmente, o app registra, aproximadamente, 200 mil check-ins em todo o Brasil e ao redor do mundo. De acordo com Felipe, o ‘Orbis’ já foi traduzido para 17 línguas.- O mais bacana do projeto que foi pensado no formato de um mapeamento colaborativo. Com isso, já conseguimos a adesão de algumas prefeituras para a inclusão do botão “Mapa Social” em seus portais, como a de Búzios, Cabo Frio e Rio das Ostras, um dos principais destinos turísticos do Rio de Janeiro, além de Duque de Caxias, uma das principais cidades da Baixada Fluminense, com muitos estabelecimentos comerciais. Estamos ativamente incluindo mais prefeituras para levar o Mapa Social para todas as cidades do Brasil – explicou.

Projeto do Startup Rio

O Orbis é um dos projetos contemplados pelo Startup Rio, o programa do Governo do Estado, da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação, voltado para a capacitação de empreendedores digitais.

- O programa é uma ‘pérola’ para quem tem a ideia apenas, pois oferece a oportunidade de tirá-la do papel. O formato do Startup Rio é inovador exatamente por isso: o mercado costuma investir em ideias já consolidadas. Quem tem uma ideia original, quase nunca recebe a devida atenção o programa preenche essa lacuna – comentou Felipe.

O Orbis pode ser acessado em www.orbis.to e está disponível para IPhones (https://apps.apple.com/gb/app/orbis-local-groups-discovery/id1453025529) e Android (https://play.google.com/store/apps/details?id=com.orbis.orbis&rdid=com.orbis.orbis).

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.