Assine Já
segunda, 18 de outubro de 2021
Região dos Lagos
21ºmax
18ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52181 Óbitos: 2123
Confirmados Óbitos
Araruama 12321 438
Armação dos Búzios 6500 72
Arraial do Cabo 1720 92
Cabo Frio 14677 858
Iguaba Grande 5464 140
São Pedro da Aldeia 6968 288
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
LEGADO

Amizade, lealdade, profissionalismo: as marcas de Bruno Aragutti

Familiares e amigos homenageiam advogado e ex-secretário de Fazenda de Cabo Frio

26 dezembro 2020 - 13h15Por Julian Viana
Amizade, lealdade, profissionalismo: as marcas de Bruno Aragutti

“Além de meu irmão, ele era o meu herói”. Essas foram as palavras ditas por Matheus Mônica, irmão do ex secretário da Fazenda do município de Cabo Frio, Bruno Aragutti, que morreu no dia 18 de dezembro por complicações da covid-19, aos 50 anos de idade e deixou um legado positivo por onde passou. Matheus relembra os momentos que viveu junto com o irmão no Rio de Janeiro durante o período da faculdade. O companheirismo era a marca registrada na relação dos dois. 

– Éramos companheiros, amigos e irmãos. Ele esteve junto comigo durante todo o tempo, por toda a vida. Já brigamos e discordamos bastante, mas, no final, o amor sempre prevalecia. Bruno sempre esteve ao meu lado e me apoiava em tudo. Graças a ele, hoje posso dizer que sou empresário porque, no momento que eu não tinha nenhum tostão furado, foi ele que acreditou em mim e permitiu com que eu abrisse o meu próprio negócio. 

Matheus também conta que já havia traçado junto com ele vários planos para 2021 e afirma que, mais do que um irmão, ele era um verdadeiro amigo. 

– Além de meu irmão, ele era o meu herói. Eu acho que isso define bastante a minha relação com ele. 

O atual secretário de Desenvolvimento do município de Cabo Frio, Felipe Araújo, também era muito próximo do Bruno. Os dois se conheceram em 2018 e, desde então, estreitaram os laços de amizade. O secretário ressalta que ele era uma pessoa correta, honesta e que amava a família e a cidade de Cabo Frio.

 – A gente se dava muito bem. Sempre estávamos juntos. Ele era uma pessoa fantástica, que deixa como marca o empenho. Ele foi uma das pessoas que mais se empenhou para a construção do projeto de lei do pólo industrial de Cabo Frio. Ele era fantástico e está deixando uma marca muito dolorosa. Tem sido bem difícil ir trabalhar sabendo que a gente não poderá contar mais com ele. Os dias têm sido bem difíceis – confessa o secretário. 

Felipe também relembra uma das histórias vividas com Bruno. Em agosto de 2019, a dupla teve a honra de representar o município de Cabo Frio em Portugal.

Para o jornalista e coordenador da Comunicação da Prefeitura de Cabo Frio, Max Andrade, a capacidade profissional que o Bruno tinha era algo admirável. O jornalista conta que passou a ter um contato mais intenso com ele há seis meses, assim que passou a assumir a comunicação. Mesmo em um período curto, através do convívio, Max ressalta que o ex-secretário era muito intenso em tudo aquilo que fazia.

– Conheci o Bruno na época que ele era Procurador Geral do Município. Depois que ele assumiu a Secretaria de Fazenda, pude ver a capacidade profissional que ele tinha nos dois cargos. Um era voltado para a área do direito e outro para as finanças, mas ele conseguia transitar muito bem nas duas áreas. 

O jornalista ainda conta que a morte do Bruno foi um verdadeiro choque e um baque muito grande porque no dia anterior da morte dele, todos esperavam pela sua recuperação. 

– Foi um choque muito grande para todos nós. É uma perda irreparável para a administração porque ele era um cara super bacana, do bem. Apesar de ter tido uma pouca convivência, tenho sentido muita falta dele. Infelizmente, foi uma perda muito grande. 

O empresário e dono da Barber Shop do Canal, Jorge Sawan conhecia o Bruno há cerca de 5 anos. Ele conta que, como o Bruno morava praticamente ao lado de seu estabelecimento comercial, eles pegaram um certo tipo de amizade. Jorge afirma que, como legado, o Bruno deixa a honestidade, transparência e amizade.

– Quando conheci o Bruno, ele já trabalhava na Prefeitura. Sempre quando ele saía do trabalho, antes de subir para a casa dele, passava na barbearia e batia um papo comigo tomando um café. Ele sempre me orientava juridicamente. Não tenho nem palavras para descrever quem o Bruno era. Ele era um ser humano fora de série. Ele era amigo, irmão, prestativo e um pai dedicado – conta o empresário e amigo.

O fisioterapeuta Sérgio Ribamar também era amigo do ex-secretário. Na verdade, ele considerava o Bruno como um irmão. Ele conta que por onde o Bruno passava estampava sempre um sorriso largo no rosto. 

– Ele acalmava o ambiente com aquele sorriso. O chamar o Bruno era como se fosse um pedido de socorro. Todo mundo que chegava perto dele com algum problema e conversava com ele, era acalmado pelas palavras que ele sempre distribuía. Um dia antes de ele morrer, eu havia conversado com ele pelo WhatsApp. Ele disse que estava tudo bem. Quando soube do falecimento dele, estava longe. Fiquei muito mal. O Bruno Aragutti vai fazer muita falta – desabafa o amigo. 

Patrícia Cardinot, presidente da Associação Comercial e Industria de Cabo Frio (Acia) e também presidente do Conselho Comunitário de Segurança do município, também chegou a fazer alguns contatos com o Bruno. 

– Todos os contatos que fazia com ele eram referentes as tentativas de reabertura do comércio. Em todos os momentos, ele sempre nos recebia com muita atenção, respeito e disponibilidade. Ele sempre dava uma atenção diferenciada com a Acia. Deixo aqui todo o meu respeito e admiração, além do meu agradecimento por toda a gestão dele empenhada na cidade. Que o Senhor Deus conforte todos os familiares e amigos, que tanto gostavam e admiravam o Bruno. Eu só escuto coisas boas a respeito dele. Todos sempre elogiam a ética, moral e o quão família ele era. Ele deixou um legado incrível – ressalta a presidente.
 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.